Mais uma final: Sevilla bate Manchester United e vai em busca do hexa da Europa League
Foto: Divulgação/Sevilla

O Sevilla está na sua sexta final de Europa League. O maior campeão do torneio enfrentou o Manchester United na primeira semifinal e mostrou sua força na Liga Europa para chegar na decisão. Os Hispalenses derrotaram os Red Devils por 2 a 1, no RheinEnergieStadion, nesse domingo (16). Os gols da vitória foram marcados por Suso e De John; Bruno Fernandes fez para os ingleses.

O primeiro tempo mostrou bem o equilíbrio do confronto. Apesar do Manchester United ter finalizado mais - onze contra quatro- , apenas três chutes foram em direção ao gol - os espanhóis mandaram duas vezes na meta. O Sevilla conseguiu ter mais posse de bola com 61%.

O jogo começou bem movimentado. Aos seis minutos, Rashford chegou com perigo, mas foi derrubado dentro da área. O pênalti foi marcado e Bruno Fernandes partiu para a cobrança. O português chutou no ângulo e abriu o placar para os Red Devils. 

E os ingleses quase ampliaram com Fred. O brasileiro recebeu de Bruno Fernandes na cara do gol e chutou para fora. Os espanhóis aumentaram a pressão e começaram a chegar com perigo.

E a criação de jogadas deu resultado. O Sevilla conseguiu empatar a partida antes do intervalo. Em uma rápida transição ofensiva, Reguilón chegou a linha de fundo e cruzou rasteiro para Suso empurrar para o gol vazio.

Os Diabos Vermelhos quase conseguiram desempatar o duelo com Martial. O francês recebeu na entrada da área e isolou para cima do gol. A pressão dos britânicos não parou por aí. Rashford cobrou falta com força e obrigou o goleiro Bounou a espalmar a bola.

No começo da segunda etapa, Greenwood saiu na cara do goleiro, após enfiada de Bruno Fernandes, mas parou em defesa sensacional de Bounou. E o goleiro do Sevilla fez outro milagre em chute frontal de Martial.

O camisa nove do United saiu de novo na frente do gol, mas Bounos estava em uma noite inspirada e fez mais uma defesa. Apesar da pressão dos ingleses, foi o Sevilla que conseguiu marcar o segundo.

Como diria o ditado: quem não faz, leva! O atacante Munir recebeu a bola na lateral e cruzou para dentro da área. De John se interceptou e chutou para os fundos das redes.

Na única finalização correta do Sevilla no segundo tempo, o camisa 19 colocou a equipe espanhola na sua sexta final de Europa League na história.

No final da partida, ficou claro que o Manchester United foi superior. No entanto, a equipe não conseguiu transformar o domínio em gols, mesmo com onze finalizações a mais que o adversário. O Sevilla foi certeiro e conseguiu marcar duas vezes em três chutes corretos.

Com o resultado, o Sevilla chega a mais uma final de Europa League na história. O maior campeão da competição, conseguiu levar a taça em todas as decisões que disputou.

Agora, os espanhóis esperam o vencedor de Inter de Milão e Shaktar Donetsk, na próxima segunda-feira (16), às 16h. Os pentacampeões esperam manter seu 100% de aproveitamento em finais para conquistar o hexa da Liga Europa.

VAVEL Logo