Rolfö relembra conversa no intervalo após classificação do Wolfsburg: "Precisávamos de calma"
Foto: Divulgação/Uefa

Após vencer o Barcelona por 1 a 0 no Estádio de San Mamés, em Bilbao, na Espanha, o time feminino do Wolfsburg se classificou para a finalíssima da Uefa Women's Champions League. O único gol do jogo foi marcado por Fridolina Rolfö.

Para o treinador das lobas, Stephan Lerch, o jogo foi intenso e o time precisou de um pouco de sorte.

"O Barcelona jogou muito bem e chegou perto de marcar em vários momentos. Nosso time mostrou  que pode trabalhar junto com muita qualidade  e força  e lutou muito com muita paixão. Obviamente nós observaremos os erros que  talvez tivemos ,mas estamos felizes de estar na final. A goleira teve um bom jogo. Não começamos brilhantes..e demos ao Barcelona o tempo para criar  oportunidades,admitimos isso."

Lerch diz que sabe que seu time vai ter um tempo a mais de descanso até a final, já que a outra semifinal ocorre na tarde dessa quarta-feira. "Precisamos recarregar as baterias. Não vamos ficar presos no hotel o tempo inteiro. Faremos coisas diferentes, trabalhar duro nos treinos, mas não ficar preso na mesma rotina."

O técnico ainda admite que gostaria de ver o time aproveitando ao máximo suas chances. "Queremos melhorar muito para a final, o máximo que pudermos, e veremos o que isso nos trás. Temos muita qualidade que é o que podemos mostrar dentro de campo."

A meio-campista Rolfö também disse ter saído feliz com o resultado e com o gol."Falamos no intervalo sobre a necessidade de manter a calma, ficar com a bola, não ficar tão estressada e tentar marcar o gol".

O adversário do Wolfsburg na decisão será o vencedor do confronto entre Lyon e PSG, que se enfrentam nesta quarta-feira (26).

VAVEL Logo