Diagnosticado com novo coronavírus, meia Aouar é segunda baixa na França para Nations League
Aouar, meia do Lyon | Foto: Divulgação/Olympique Lyonnais

Uma das grandes novidades na convocação da França para os dois primeiros confrontos na Uefa Nations League, a comemoração do meia Houssem Aouar por estar na seleção pela primeira vez durou cerca de 24 horas. Um dos destaques do Lyon na reta final da Uefa Champions League encerrada no último fim de semana, o jogador foi diagnosticado com o novo coronavírus e foi cortado da equipe que irá enfrentar Suécia e Croácia.

A convocação veio a calhar. Com mudanças no meio-campo causadas pelo fato dos jogadores do Bayern de Munique terem conquistado a Champions, com a ida de Matuidi aos Estados Unidos e a ausência de Pogba, a chamada de Aouar foi justificada pelo técnico Didier Deschamps por ser um jogador é “versátil, técnico e que traz qualidade no uso da bola e habilidoso pela qualidade de passes e de gols, além de ser mais regular”. Porém, assim como Pogba, o atleta do Lyon se torna ausência por conta do Covid-19. Com isso, o atleta fica isolado nas duas próximas semanas e também vai desfalcar o OL nas primeiras rodadas do clube na Ligue 1.

Deschamps anunciou Nabil Fekir, atualmente no Real Betis, como substituto. O jogador se junta ao grupo e novamente fecha a lista de 23 atletas disponíveis para os dois primeiros jogos dos Bleus na Nations League. A partida contra a Suécia será no próximo dia 5, na Friends Arena, em Solna/SUE. Três dias depois, os atuais campeões do mundo reeditam a final do Mundial contra a Croácia no Stade de France, em Saint-Denis. Os times estão no Grupo 3 da Liga A, composto também por Portugal.

VAVEL Logo