Arsenal
bate Liverpool nos pênaltis e é campeão da Supercopa da Inglaterra
Foto: Divulgação/Arsenal

O Arsenal venceu o Liverpool nos pênaltis após empate em 1 a 1 neste sábado (29) e foi o campeão da Community Shield. Os gols do tempo regulamentar foram anotados por Aubameyang e Minamino. Nas penalidades, Brewster foi o único a desperdiçar pelos Reds em Wembley.

A Supercopa da Inglaterra é a competição que inicia a temporada para os times ingleses. Para esta edição, os Gunners garantiram sua vaga conquistando a FA Cup, enquanto os Reds chegaram na decisão levantando o troféu da Premier League de forma incontestável. Os comandantes Mikel Arteta e Jürgen Klopp disputavam para conquistar a taça pela primeira vez em suas carreiras.

A primeira etapa teve início com a equipe do Liverpool apresentando seu estilo de jogo tradicional, com posse de bola, trocando passes com tranquilidade e ditando o ritmo. Com isso, logo aos seis minutos, cobrança de falta para os Reds, a defesa do Arsenal não tirou, e van Dijk chutou para dentro do gol, mas foi anulado por impedimento.

Na sequência, os Gunners optaram por uma marcação alta, mas sem pressão. Aos 11, um cruzamento da direita encontrou a cabeça de Milner sem marcação na pequena área, porém mandou por cima. Foi quando a superioridade começou a mudar de lado.

No mesmo minuto, a partir de troca de passes que começou com Martínez, Saka fez boa inversão da direita para a esquerda, encontrando Aubameyang, que puxou para o meio, bateu colocado invadindo a área e abriu o placar com estilo, sendo eficiente em mais um jogo decisivo, como aconteceu na FA Cup.

Aos 17, pressão na saída de jogo do Liverpool, roubada de bola, Saka cruzou da direita, Nketiah finalizou na área, mas Alisson conseguiu boa defesa colocando para escanteio. Dez minutos depois, Nketiah de novo tentou colocado da entrada da área pela esquerda, só que muito por cima do gol.

Os Reds continuavam tentando manter a posse de bola, mas sem criar chances, diferentemente do adversário, que não encontrava dificuldade para rondar ou chegar na área. Como exemplo, o Liverpool teve seu primeiro escanteio apenas aos 39 minutos. Antes de ir para o intervalo, o time de Klopp pressionava no ataque, mas dava preferência para cruzamentos na área por cima sem precisão.

O segundo tempo não poderia começar de outra maneira, com o Liverpool sabendo que precisava ser mais presente, criativo e eficiente no ataque. Aos cinco minutos, Firmino encarou a marcação, arriscou colocado da entrada da área centralizado, mas direto para fora, naquela que foi sua primeira chance na partida.

Cinco minutos depois, Mané recebeu passe longo do campo de defesa, deixou a zaga para trás, invadiu a área, mas chutou para a boa defesa de Martínez fechando o ângulo. Até que, aos 28, a eficiência veio. Minamino, que entrou minutos antes, tentou tabela com Salah na área, não deu certo, mas a bola sobrou para ele mesmo finalizar tirando de Martínez. Decisão empatada e indo para os pênaltis.

Já aos 40 minutos, o Arsenal teve sua primeira chance real na segunda etapa. Jogada pela direita, cruzamento na pequena área e Willock cabeceou para fora, evidenciando que as alterações de Arteta deram movimentação no ataque. E, no último minuto do tempo regulamentar, inversão de Mané da direita encontrando Robertson livre na área pela esquerda, porém cabeceou sem perigo para Alisson.

Decisão nos pênaltis

O resultado ficou para a disputa de pênaltis. Pelo Liverpool, Salah, Fabinho, Minamino e Curtis Jones converteram, mas o jovem Brewster perdeu, mandando no travessão. Já pelo Arsenal, Reiss Nelson, Maitland-Niles, Cédric Soares, David Luiz e Aubameyang converteram todas as cobranças, cabendo ao camisa 14 fazer o último com estilo e garantir mais um título para os Gunners. Do outro lado, os Reds perderam nos pênaltis pelo segundo ano consecutivo, contra o Manchester City no anterior.

Próximos compromissos

O próximo compromisso do Arsenal é fora de casa contra o Fulham no dia 12 de setembro às 8h30 pela primeira rodada da Premier League.

Já o Liverpool volta a campo também no dia 12 de setembro às 13h30, quando recebe o Leeds United, campeão da Championship, no primeiro jogo das equipes pelo Campeonato Inglês.

VAVEL Logo