FA iguala equiparação entre jogadoras e jogadores da seleção inglesa
Foto: Divulgação/Seleção inglesa

A Football Association (FA), anunciou nesta quinta-feira (3), que estão tomando uma medida histórica para a igualdade remuneração no futebol. Segundo informa a Sky Sports, as seleções feminina e masculina da Inglaterra estão a receber salários iguais, em termos de taxa e bônus de jogo, desde Janeiro. Com isso, os Ingleses se juntam a um seleto e pequeno grupo de países que pagam seus atletas igualmente, composto por: Brasil, Austrália, Noruega, Nova Zelândia.

CBF anuncia Aline Pellegrino como diretora de competições de futebol feminino 

"A FA paga a seus jogadores femininos exatamente o mesmo que seus colegas masculinos pela representação da Inglaterra, tanto em termos de taxas de jogo quanto de bônus por jogo. Essa paridade existe desde janeiro de 2020", afirmou o Associação de Futebol Inglesa.

+ Atacante Pernille Harder assina com Chelsea por três temporadas

Na temporada passada, as atuais campeãs mundiais femininas pela Seleção dos Estados Unidos abriram um processo jurídico contra a federação pedindo uma indenização de 66 milhões de dólares, alegando uma discriminação sobre salários e condições, embasada na lei de igualdade salarial presente no país. Todavia, o Juiz responsável pelo caso negou a pedida, e atualmente a equipe está recorrendo na justiça. 

Outros órgãos internacionais podem seguir o exemplo de Inglaterra e Brasil na igualdade de remuneração, sendo uma afloração inesperada e tornando um futebol marcado por interesses de elites e ambições estreitas, em um cenário mais igualitário.

VAVEL Logo