Uruguai marca no fim e supera Chile na primeira rodada das Eliminatórias da Copa
Foto: Reprodução/Uruguai

O Uruguai superou o Chile pelo placar de 2 a 1 em jogo que marcou a volta das seleções sul-americanas aos gramados depois da parada, logo na primeira rodada das Eliminatórias da Conmebol. Os gols no Estádio Centenário foram marcados por Luis Suárez, de pênalti, Alexis Sánchez e Maximiliano Gómez, que desempatou a partida com um gol heróico aos 48 minutos do segundo tempo.

Dessa forma, a equipe celeste larga na frente no começo de Eliminatórias. Em contraponto, os chilenos aparecem em desvantagem e com a necessidade de ir atrás de resultado positivo já na sequência.

Análise

O Uruguai foi a campo com um time bem jovem e versátil do meio para frente; apenas Arrascaeta e Suárez tinham mais de 25 anos. A seleção Uruguaia apostou em um 4-2-3-1, esquema muito utilizado no futebol atual. Bentancur e Arrascaeta tiveram a função de comandar o meio campo e fazer com que o jogo fluísse, os pontas Brian Rodríguez e Nicolas de La Cruz foram fundamentais para que o esquema funcionasse, sendo muito acionados durante o jogo inteiro, entretanto, o De La Cruz não fez uma grande partida. Luiz Suárez, o experiente centroavante Uruguaio, apesar de não conseguir grandes chances diretas ao gol (finalizando apenas uma vez), participou do jogo com passes para seus companheiros.

A seleção Celeste comandou totalmente as ações da partida no primeiro tempo de jogo, finalizando seis vezes a mais que seu adversário.

Já o Chile apostou em outra vertente: jogadores mais experientes e rodados. O Chile foi a campo com um 4-4-2, do meio para frente, apenas o meio-campista Cláudio Baeza possuia menos de 30 anos.

A equipe Chilena pouco conseguiu fazer algo além de trocar passes sem objetivo no primeiro tempo, e viu seu adversário abrir o placar numa cobrança de pênalti. No segundo tempo, o Chile sabia que iria precisar começar jogar bola para buscar o placar; e jogou. Não demorou muito para a equipe comandada por Alexis empatar o jogo: Sánchez empatou aos 9 da segunda etapa, se isolando ainda mais como maior artilheiro da seleção.

Após o empate, o jogo ficou amarrado e muito estudado, ambas as equipes não queriam sair derrotadas, e optaram por não se arriscar tanto. Mas aos 48 minutos do segundo tempo, a equipe Uruguaia deu um lançamento longo para dentro da área, a defesa chilena rebateu e a bola sobrou para Maximiliano Gómez, que deu um chute rasante para balançar as redes: 2 a 1 Uruguai. E não houve tempo para mais nada, o Chile voltou para casa sem pontos em sua bagagem.

Próximos compromissos:

O Uruguai irá viajar a Quito para enfrentar o Equador, na próxima terça-feira (13), às 18h. O Chile irá voltar para Santiago onde enfrentará a Colômbia, no Estádio Nacional, também na terça-feira (13), às 21h30.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo