Messi dedica vitória da Argentina ao povo hermano: "Bom para aliviar"
Imagem:Reprodução/AFA

A Seleção Argentina começou as Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022 com vitória sobre o Equador. O único gol da partida foi de pênalti, sofrido por Lucas Ocampos e convertido por Lionel Messi. Apesar do placar magro, foi uma partida simbólica para o craque, que retornou ao seu país natal após nove meses. Sem dúvidas, não foi o momento mais feliz, afinal, por conta da Covid-19, o camisa 10 dedicou o triunfo à população argentina.

"Foi um ano difícil para todos, para todos e principalmente para nós argentinos. É muito difícil e estamos sentindo muito. Poder jogar e dar alegria às pessoas com essa vitória, além do jogo, é bom para aliviar um pouco. Muito disso foi para todos os argentinos porque sei que é um momento muito difícil para todos", declarou o craque, para uma emissora local.

Além de tudo, Messi também marcou seu gol número 71 com a camisa da seleção hermana. O jogador reconheceu que o nível de jogo da equipe não foi o melhor possível, mas ponderou que os atletas não atuavam juntos há quase um ano. Ressaltou a qualidade dos seus adversários e sobretudo valorizou a vitória na estreia e o gol marcado logo no início.

"Era importante começar vencendo, sabemos o quão difícil é as Eliminatórias e todos os jogos vão ser assim. Esperávamos que o nível fosse outra coisa, mas é lógico. Não jogávamos juntos há quase um ano e foi complicado. O importante é que foi ganho. E agora temos que continuar crescendo, que é algo que fazemos desde a Copa América. Sabíamos que ia ser duro, que eles iam pressionar e era difícil para a gente sair jogando por causa da pressão. Ali, se a gente ficasse um pouco mais calmo com a bola teríamos encontrado mais espaços. Aconteceu assim e temos que continuar", analisou o jogador.

A Argentina volta a campo na próxima terça-feira, para visitar a Bolívia, em La Paz, no Estádio Hernando Siles. A partida ocorre às 17h, horário de Brasília.

VAVEL Logo