Coutinho marca, garotos brilham e Barcelona estreia na Champions League com goleada
Foto: Miguel Ruiz/FC Barcelona

Atual bicampeão húngaro, o Ferencváros voltou à fase de grupos da Champions League após 25 anos nesta temporada. Logo na abertura do torneio, porém, a equipe foi envolvida pelo Barcelona e perdeu por 5 a 1 em confronto disputado nesta terça-feira (20) no Camp Nou.

Sem Griezmann, o técnico Ronald Koeman escalou Fernando Trincão no ataque ao lado de Ansu Fati e Coutinho, com Messi adiantado. No meio estavam De Jong e Pjanic, deixando Busquets no banco. A defesa foi a mesma que entrou em campo diante do Getafe, com Neto, Sergi Roberto, Lenglet, Piqué e Sergiño Dest. 

O Ferencváros também jogou num 4-2-3-1, incluindo o brasileiro Isael no ataque e o norueguês Chol Nguen mais à frente. O time húngaro encontrava dificuldade para jogar enquanto o Barcelona praticamente definiu a vitória no primeiro tempo ao construir um placar por 3 a 0.

Aos 35 minutos, por exemplo, o Barcelona tinha finalizado nove vezes, sendo cinco no gol, contra duas do rival, ambas para fora. A primeira bola na rede saiu do pé esquerdo de Messi, que aos 16 minutos sofreu pênalti e na cobrança deslocou o goleiro Dénes Dibusz.

Trincão foi um dos destaques do primeiro tempo, assim como Ansu Fati, que marcou o segundo aos 42 minutos. No lance, De Jong apareceu pela esquerda e deu um toque de categoria para o espanhol, que infiltrou no meio da defesa e chutou cruzado. 

Mesmo com a derrota parcial por 2 a 0, o técnico Serhiy Rebrov não mexeu durante o intervalo. O time húngaro só conseguiu diminuir de pênalti, com Ihor Kharatin. No lance, Chol Nguen dividiu com Piqué e quando entrou na área o zagueiro puxou a camisa do rival. Ele recebeu o cartão vermelho direto e, na batida, o ucraniano mandou a bola de um lado e o goleiro Neto caiu para o outro.

Coutinho ampliou após uma jogada de pé em pé típica dos tempos áureos do Barcelona, com troca de passes entre De Jong, Pjanic, Messi e Ansu Fati, que tocou de calcanhar para o brasileiro fazer o terceiro gol do Barcelona aos 42 minutos. Ele só saiu de campo quando Piqué foi expulso e então Koeman recompôs a defesa com Ronald Araújo.

Na reta final da partida o Barcelona ainda transformou a vitória em goleada em duas jogadas de velocidade. Mesmo com superioridade numérica dentro da área, o Ferencváros não freou o ímpeto do Barcelona, que aumentou a vantagem com Pedri, aos 37 minutos, e Dembélé aos 43. 

O que vem por aí

A goleada serve para abrir uma semana agitada para o Barcelona, que no sábado (24) terá pela frente o clássico diante do Real Madrid e na quarta-feira (28) vai a Turim para enfrentar a Juventus.

Újpest e Dinamo Kiev são os próximos adversários do Ferencváros. O primeiro confronto é no final de semana pelo Campeonato Húngaro e o outro é pela Champions League - os ucranianos também perderam na estreia (2 a 0 para a Juventus).

VAVEL Logo