Em jogo de duas viradas, João Félix decide e Atlético de Madrid derrota Red Bull Salzburg
Foto: Divulgação/Atlético de Madrid

Depois de sofrer uma goleada na estreia para o Bayern de Munique, na estréia, o Atlético de Madrid recebeu o RB Salzburg, no Estádio Metropolitano, pela segunda rodada da fase de grupos da Champions League. E em uma partida bem movimentada, com cinco gols, e em uma bela atuação de João Félix, o Atleti venceu a equipe austríaca por 3 a 2.

Distribuição tática

O técnico Simeone apostou num 4-4-2, as novidades foram as entradas de Llorente na esquerda e Herrera no meio de campo, no lugar de Torreira. O Atlético de Madrid foi a campo com: Cican Stankovic – Rasmus Kristensen, André Ramalho, Maximilian Wöber, Andreas Ulmer – Enock Mwepu, Mohamed Camara, Zlatko Junuzovic, Dominik Szoboszlai – Patson Daka e Mergim Berisha.

Já pelo lado do Red Bull Salzburg, que também foi num 4-4-2, as novidades foram as saídas de Vallci e Loira para a entrada de Berisha e Kristensen. O técnico Jesse Marsch começou a partida com: Cican Stankovic - Rasmus Kristensen, André Ramalho, Maximilian Wöber, Andreas Ulmer - Enock Mwepu, Mohamed Camara, Zlatko Junuzovic, Dominik Szoboszlai - Patson Daka e Mergim Berisha.

Atlético encontra dificuldades para construir jogadas, abre o placar e toma o empate

O Atlético de Madrid tinha mais passe de bola no primeiro turno (51% a 49%), e passou os primeiros minutos da partida no campo austríaco até encontrar caminhos para construir jogadas de ataque. João Félix até chegou a acertar o travessão com chute de bicicleta e Suárez quase estreou o marcador com um chute rasteiro, mas a jogada foi para a linha de fundo.

Mas foi aos 29 minutos que a equipe espanhola conseguiu abrir o placar. Kieran Trippier avançou pela direita, cruzou para Ángel Correa na entrada da área, que ajeitou para Marcos Llorente cortar para o meio e soltar uma bomba. O goleiro Cican Stankovic até chegou a por a mão na bola para fazer a defesa, mas a bola foi para o fundo das redes.

O Red Bull Salzburg não se intimidou e mostrou que estava afim de jogo. Aos 40, Mergim Berisha avançou pelo meio e fez o passe para Szobszlai, que recebeu na área e completou cruzado para deixar tudo igual em Madrid.

Salzburg vira, mas João​​​ Félix decide e decreta vitória para o Atlético

E não demorou muito para o Bullen ampliar o placar, aos dois minutos do segundo tempo. Andreas Ulmer é lançado na ponta esquerda e faz o cruzamento rasteiro na área. Berisha escorrega na hora do chute, mas conseguiu acertar a bola e completar para o fundo das redes atleticanas.

Aos sete minutos, o Atlético respondeu. Suárez recuperou a bola no meio-campo, avançou pelo lado esquerdo e fez lançamento para João Félix entrar na área tabelando com Ángel Correa. Ao receber de volta dentro da área, o atacante português completou cruzado, e novamente deixou tudo igual em Madrid.

O jogo seguia bem disputado, com as duas equipes buscando gol a todo momento. As equipes apostavam nós escanteios, mas não tinham sucesso. Até que nos minutos finais da partida, enfim funcionou. Koke cobrou escanteio da ponta direita, lançou na área e a defesa desviou. Thomas Lemar recuperou no lado esquerdo, fez o passe para João Félix completar para o fundo das redes e dar números finais a partida.

Classificação e próximos jogos

Com a vitória o Atlético de Madrid se recuperou da derrota sofrida na estreia e conquistou os seus primeiros pontos na competição. Ficando na segunda posição do grupo A, atrás do Bayer de Munique, com seus pontos somados. Já o RB Salzburg, com apenas um ponto somado é o lanterna.

Pela terceira rodada da Champions League, o Atlético de Madrid visita Lokomotiv Moscou, às 14h55, na próxima terça-feira (3). No mesmo dia, o RB Salzburg enfrenta o Bayern de Munique, às 17h (de Brasília).

VAVEL Logo