Paulo Fonseca elogia capacidade de reação da Roma contra Milan: "Empate positivo"
Foto: Divulgação/AS Roma

A Roma conquistou um ponto importante no clássico disputado contra o Milan. O jogo foi disputado nesta segunda-feira (26), no Estádio San Siro, em Milão/ITA, pela quinta rodada da Serie A e terminou empatado em 3 a 3. Os rossoneri ficou três vezes atrás no marcador, mas os giallorossi buscaram o empate em ambas as oportunidades. Ibrahimovic (duas vezes) e Saelemaekers marcaram os gols da equipe da casa, enquanto o clube da capital balançou as redes com Dzeko, Veretout e Kumbulla.

Em entrevista realizada após o jogo, o técnico Paulo Fonseca exaltou a capacidade de seus comandados reagirem após ficarem três vezes atrás do placar, mas lamentou não ter melhor eficiência no campo ofensivo, no momento de finalizar.

“O bom é que marcamos três gols, o ruim é que sofremos três gols. Mas foi uma partida muito equilibrada. Sofremos um gol nos primeiros minutos e depois a equipe sempre reagiu bem, com coragem, com qualidade na saída de bola para a fase de ataque. Mas cometemos um erro nas últimas decisões, no terço final do campo. Não era o que eu queria antes do jogo: queria ganhar. Mas aconteceu, sempre perseguimos o resultado e o empate é positivo”, disse.

Paulo Fonseca não quis comentar sobre a arbitragem, que marcou um pênalti duvidoso para cada lado. O treinador foi indagado sobre os objetivos romanistas na temporada e analisou o potencial da equipe em relação aos principais concorrente no Campeonato Italiano.

“Eu não tenho que comentar sobre arbitragem. Todos nós temos dias em que podemos cometer erros. Se o árbitro estava errado, ele estava errado para ambas as equipes. Queremos fazer melhor do que na temporada passada. Mas devo dizer que os nossos pensamentos vão apenas ao próximo jogo. Temos de nos concentrar apenas no CSKA Sofia, sabendo que a equipe está bem, melhorando e com confiança. Precisamos de ser ambiciosos, mas temos de pensar jogo a jogo. Quando se trata de investimentos, acho que todos concordamos que duas equipes são mais fortes do que as outras. Mas temos que mostrar em campo que podemos ser ambiciosos”, concluiu.

Foto: Divulgação/AS Roma
Foto: Divulgação/AS Roma

Autor do último gol do confronto, o zagueiro Kumbulla comemorou balançar as redes pelo segundo jogo consecutivo. O defensor albanês comemorou seu processo de desenvolvimento na Roma, que, segundo o atleta, é uma evolução natural desde os tempos de Hellas Verona.

“As bolas que entram na área são interessantes, pode ser fácil marcar de escanteio. Acreditei naquela bola na segunda trave e correu bem. Posso melhorar em tudo e muito. Cometi um erro que podia ter evitado no primeiro gol de Ibrahimovic, mas depois me recuperei marcando um gol. Sempre joguei no meio da defesa, mas sempre tive o hábito de marcar. Nunca faltou qualidade, mesmo que recentemente tenha lutado mais. O Hellas Verona me deu confiança imediatamente, a começar pelo abandono. Acho que melhorei muito em um ano, sempre jogando como titular na Serie A. Agora quero ajudar a Roma e dar o meu melhor”, declarou.

Com o empate diante do Milan, a Roma ocupa a nona posição, com oito pontos somados. A equipe terá em sequência dois jogos a serem disputados no Estádio Olímpico, em Roma/ITA. Primeiro, os giallorossi irão enfrentar o CSKA Sofia às 17 horas da quinta-feira (29), pela Uefa Europa League. Em seguida, duelo contra a Fiorentina às 14 horas do domingo (1º), pela Serie A do calcio.

VAVEL Logo