Mesmo com vitória, Simeone detalha dificuldades do Atlético de Madrid contra Osasuna
Foto: Divulgação/Atlético de Madrid

Não foi um jogo simples para o Atlético de Madrid, mas a equipe da capital espanhola venceu o Osasuna por 3 a 1 neste sábado (31), no Reyno de Navarra, em jogo válido pela oitava rodada da LaLiga Santander. João Félix, com dois gols anotados aos 43 e 69, e Torreira aos 88, fizeram os gols dos visitantes, enquanto Budimir descontou aos 80 para os mandantes.

Os Colchoneros foram superiores com 56% de posse de bola, 11 finalizações (seis no alvo, quatro para fora e uma travada) e 567 passes (458 certos), enquanto os Rojillos registraram 44% de posse, oito finalizações (três no alvo, quatro para fora e uma travada) e 444 passes (321 certos).

Em entrevista pós-jogo, o técnico Diego Simeone ressaltou a dificuldade de sua equipe toda vez que enfrenta o Osasuna, além do primeiro tempo complicado, mas satisfeito com o desempenho na segunda etapa.

“Nós os conhecemos, sabemos que eles jogam desta maneira e que, especialmente no início do jogo, é sempre difícil. No primeiro tempo, talvez até tenham sido superiores em seções do jogo em que até tiveram oportunidades de marcar e aproveitamos algumas ações ofensivas. No segundo tempo ficamos melhor posicionados em campo, entramos mais rápido nos flancos, pudemos atacar bem por dentro quando roubamos a bola e isso nos fez sentir fortes e ir crescendo.”

Repercussão da derrota no Osasuna

O técnico Jagoba Arrasate lamentou o primeiro gol que sua equipe tomou, em pênalti batido por João Félix, e mencionou que foram dois jogos: um antes do 1 a 0 e outro depois do 1 a 0.

“Mude o roteiro da partida. Acho que estávamos sendo superiores, acho que fizemos uma grande primeira etapa. O 1 a 0, além de ser um grande golpe para nós, também mudou o roteiro da partida, porque o Atleti é uma equipe que administra muito bem as vantagens em favor. Pouco a pouco nos abrimos e no final tivemos problemas defensivos, eles jogaram mais confortavelmente e nos machucaram mais do que na primeira etapa. Claramente, houve dois jogos: um antes do 1 a 0 e outro depois do 1 a 0.”

“Em um nível defensivo não estivemos bem, certamente eles também deram esse passo e tiveram sucesso na maneira como jogam. E então, é também uma pena que com 2 a 1 [no placar], quando você pensa que pode ter esse último toque, que pode tomar esse ponto, o 3 a 1 lhe deixa sem opções”, complementou.

Classificação e próximos compromissos

Com a vitória, o Atlético de Madrid se encontra na terceira colocação, com 14 pontos em seis jogos. Nos próximos jogos, os Colchoneros visitam o Lokomotiv na terça-feira (3), às 14h55, pela Champions League, e recebem o Cádiz no sábado (7), às 17h.

O Osasuna, por sua vez, está na nona posição, com 10 pontos em sete partidas. A equipe navarra volta a campo também no sábado (7), às 14h30, para encarar o Sevilla fora de casa.

VAVEL Logo