Na abertura da rodada, Strasbourg empata com Rennes e ambos
seguem com sequência negativa
Foto: Divulgação/Strasbourg

A 12ª rodada da Ligue 1 2020-21 foi aberta na noite desta sexta-feira (27). No Stade de la Meinau, em Estrasburgo/FRA, o Strasbourg recebeu o Rennes com a necessidade de vencer para momentaneamente sair da zona de rebaixamento. O jogo indicava até um resultado favorável, mas, ao fim das contas, o placar não agradou a nenhum dos times. O placar de 1 a 1 teve um gol em cada tempo. No primeiro, Thomasson abriu o placar aos donos da casa, mas os visitantes empataram na segunda etapa com Hunou.

Antes da bola rolar, arbitragem e jogadores das duas equipes prestaram bela homenagem a Maradona ao formarem a letra ‘M’ no círculo central. Com a bola em jogo, os donos da casa fizeram valer seu mando de campo nos primeiros minutos, com pressão, posse de bola e presença no campo ofensivo. Porém, o ritmo inicial não resultou em gol e, aos poucos, o Rennes passou a atacar também e mostrar que buscaria a vitória. Aos 24 minutos, veio o lance diferenciado da primeira etapa. Depois do cruzamento feito por Kenny Lala, Thomasson apareceu na área para finalizar e abrir o placar ao Racing. Porém, aos 40, Mitrovic deu carrinho em Guirassy e recebeu cartão vermelho direto. E esse lance mudaria o andamento do confronto. Além do Strasbourg estar com um jogador a menos, o time oponente foi forçado a substituir Guirassy e colocou Hunou em campo.

No segundo tempo, só se viu o Rennes no campo de ataque. A equipe da Bretanha foi redefinida para encarar um desafio diferente. Apesar de atuar longe de seus domínios, tinha o fato de estar completo no gramado e com mais recursos de buscar um placar favorável. Sem ter como reverter o panorama, o Strasbourg suportou enquanto pôde. Mas a pressão foi muito forte. Aos 15 minutos, Gboho chutou forte da entrada da área e Kawashima espalmou. No rebote, após cruzamento na área, Truffert escorou e Hunou finalizou à queima-roupa para empatar o jogo. Motivados pela igualdade obtida, a equipe quase virou na reta final, quando o próprio Hunou completou cruzamento com cabeceio, mas a trave impediu a vitória.

O resultado não teve maiores consequências para as equipes, que permaneceram com recente histórico de maus resultados. Por um lado, o RCSA permanece na zona de rebaixamento, com sete pontos e o penúltimo lugar na tabela de classificação. Do outro lado, o SRFC perdeu a chance de voltar ao grupo de equipes classificadas aos torneios europeus e fica no sexto lugar, com 19 pontos.

Antes da próxima rodada do Campeonato Francês, o Rennes vai enfrentar o Krasnodar às 14h55 da quarta-feira (2), no Krasnodar Stadium, em Krasnodar/RUS, pela penúltima rodada da fase de grupos da Uefa Champions League. Depois, volta a campo para enfrentar o Lens no Roazhon Park, em Rennes/FRA, às 13 horas do sábado (5). Por sua vez, o Strasbourg irá visitar o Nantes às 11 horas do domingo (6), no Stade de la Beaujoire, em Nantes/FRA.

VAVEL Logo