Apesar
da derrota, Gattuso reconhece esforço do Napoli na decisão da Supercoppa: “Jogamos
como devíamos”
Foto: Divulgação/Napoli

O Napoli tentou aproveitar a chance de conquistar mais um título nesta quarta-feira (20), porém sofreu derrota por 2 a 0 para a Juventus, no Mapei Stadium, em Sassuolo/ITA, pela decisão da Supercoppa. Cristiano Ronaldo e Morata marcaram os gols do time bianconero na partida.

Após o confronto, o técnico Gennaro Gattuso se diz orgulhoso da equipe apesar do revés, além de notar uma oportunidade com Lozano que poderia mudar o rumo do jogo em campo.

“Quero parabenizar meus jogadores e agradecer a eles pelo desempenho. Jogamos como devíamos. A equipe mostrou seu caráter e eu não posso culpar os jogadores por sua atitude. Talvez tenhamos tido um pouco de medo desde o início, mas fomos de pés e mãos atadas contra o outro lado”, disse o técnico.

“[Hirving] Lozano teve uma chance incrível nos minutos iniciais. A bola parecia estar dentro, mas o goleiro a manteve fora. Foi um momento que poderia ter mudado o rumo da partida. O resto foi como um jogo de xadrez no qual ambos os lados se respeitavam e não queriam expor muito”, complementou.

O italiano fez avaliação sobre o desempenho do time em campo: “Produzimos uma performance animada. Tensão e pressão são parte e parcela da final e também é normal estar no lado cauteloso, mas estávamos no mesmo nível que a Juventus. Perder um pênalti e cavar são aspectos normais do futebol. O que importa é a maneira como nos expressamos e estou satisfeito com isso”.

Por fim, ressaltou que os portenopei precisam buscar recuperação nos próximos jogos: “Agora precisamos nos recuperar e olhar em frente. Há um longo caminho a percorrer e queremos continuar trabalhando duro para voltarmos ao caminho certo”.

O próximo compromisso do Napoli será diante do Hellas Verona no domingo (24), às 11h, no Estádio Marcantonio Bentegodi, em Verona/ITA, pela 19ª rodada da Serie A.

VAVEL Logo