City vence Arsenal nos acréscimos e dispara na liderança
Créditos: Twitter | Manchester City

Com pênalti polêmico e com emoção até o final o Manchester City vira contra o Arsenal no Emirates Stadium pelo placar de 2 a 1, em jogo valido pela 21ª rodada da Premier League. Com o resultado os Citizens podem abrir onze pontos de vantagem na liderança, se o Liverpool e o Chelsea tropeçarem amanhã, o time chega a sua 11ª vitória seguida. Já o Arsenal se mantém na quarta posição com 35 pontos, dentro da zona da Champions. Os gols foram marcados por Saka para os donos da casa, Mahrez e Rodri para os visitantes.

Arsenal melhor no primeiro tempo

Como já é habitual do time de Guardiola, o City começou tocando e com mais posse de bola, já os Gunners apostava no brasileiro Gabriel Martinelli nos contra-ataques. Mas quem chegou primeiro com perigo foram os visitantes, logo aos 3, Gabriel Jesus subiu junto com o Laporte e cabeceou com perigo. A pressão dos Citizens pelo alto continuava e aos 13, Ruben Dias subiu sozinho e a bola passou muito perto do gol de Ramsdale.

Depois da pressão inicial do City, o Arsenal começou a equilibrar a partida e a primeira chance real foi com o Martinelli que invadiu a área pela esquerda e bateu no canto para uma boa defesa de Ederson. Mas foi aos 30 que o Arsenal abriu o placar, em ótimo cruzamento pela esquerda de Martinelli, Saka livre na área, chutou, sem chance para o goleiro brasileiro, terminando o primeiro tempo com 1 a 0.

  • Segundo tempo com polêmicas e Rodri vira herói 

A etapa final começou com muito equilíbrio pelos dois times, mas foi aos 7 que teve a primeira polêmica da partida. Cancelo invadiu a área, gingou na frente de Xhaka e foi derrubado, no primeiro momento o Árbitro não viu e foi chamado pelo VAR, ele entendeu que o jogador português foi puxado e marcou o pênalti, Mahrez bateu firme no canto direito empatando a partida. 

Aos 12' quase um gol contra inacreditável para o Arsenal, Laporte tentou recuar de cabeça para o goleiro Ederson, que encobriu o brasileiro, Aké em cima da linha salvou, na sobra Martinelli chutou por cima, sem goleiro, para o desespero dele. Logo depois, Magalhães impediu um contra-ataque, derrubando o Gabriel Jesus, como ja tinha amarelo foi expulso.

O jogo ficou mais equilibrado até o final e quando todos pensavam que não teria mais emoção, os Citizens fez valer a freguesia do Arsenal. Nos acréscimos, De Bruyne cruzou pela direita, Laporte tentou e a bola sobrou para Rodri, que chutou para a meta de Ramsdale, ele comemorou na frente da torcida adversária, que jogou objetos no campo. Muita reclamação no final dos Gunners ,mas o que não impediu a festa do Manchester, que cada vez fica perto de mais um título da Premier League.

Os dois times vão tirar uma folga do Campeonato Inglês, mas voltam a campo pela Carabao Cup, o Arsenal joga na quinta-feira, no clássico contra o Liverpool. Já o Manchester City volta a campo só na sexta-feira contra o modesto Swindon Town. 

VAVEL Logo