Juventus acerta contratação de Dusan Vlahovic, artilheiro da Fiorentina
Foto: Divulgação / Fiorentina

Um dos artilheiros da Serie A 2021-22, com 17 gols, Dusan Vlahovic realiza nesta sexta-feira (28) exames médicos para acertar com a Juventus. Mais uma vez, a rivalidade entre Fiorentina e o time de Turim se reacende, com um destaque do time de Florença se transferindo para os bianconeri

Com contrato até o final de junho de 2023, a Viola tentava renovar o vínculo com o centroavante, já que ele poderia assinar um pré-contrato com outra equipe a partir do começo do próximo ano. O atleta passou a retardar as negociações, e dois clubes mostraram interesse no profissional: Arsenal e Juventus. O sérvio, então, sinalizou a diretoria que prefere ir à Vecchia Signora

A Juventus pagará cerca de 75 milhões de euros (cerca de R$ 452,2 milhões) para a Fiorentina. Será a quarta transferência mais cara da história da equipe de Turim. E, somado os mais 10 milhões de euros (cerca de R$ 60,3 milhões) que a equipe pagará ao empresário do sérvio, ele empatará com a terceira contratação na lista, Matthijs de Ligt. Gonzalo Higuaín (90 milhões de euros; R$ 542,6 milhões) e Cristiano Ronaldo (117 milhões de euros; R$ 705,45 milhões) lideram a lista.

O salário de Vlahovic também será aumentado exponencialmente. Na Juventus, o atleta receberá cerca de 7 milhões de euros (R$ 42,2 milhões) por ano. O contrato entre o sérvio e a agremiação de Turim terá validade até 2026. 

Substituto já está em Florença

Para substituir Vlahovic, a Fiorentina deve anunciar em breve o brasileiro Arthur Cabral, ex-atleta de Ceará e Palmeiras, que já está em Florença. O centroavante, atualmente no Basel, foi avaliado em 15 milhões de euros (R$ 90,4 milhões).

Rivalidade e repercussão

A transferência já mexe com a cidade de Florença. Na cidade, foram colocadas faixas ameaçando o atleta. "Os teus guarda-costas não vão conseguir salvar a tua vida" e "O respeito não se conquista só com gols. Vlahovic, você é um merda!" foram algumas delas. 

Sem rivais na cidade, a Fiorentina desenvolveu, desde a década de 1980, uma rivalidade com a Juventus. A polêmica Serie A 1981-82, quando torcedores da equipe de Florença reclamam que o time de Turim foi beneficiado pela arbitragem nas rodadas finais, deu início. As transferência de Roberto Baggio, em 1990, Federico Bernardeschi, em 2017, e Federico Chiesa, em 2020, apimentaram ainda mais os duelos entre as equipes.

VAVEL Logo