Alberto Toril cita projeto consolidado do Barcelona para superar Real Madrid nas quartas de final
Thomas Delrat/Real Madrid

No El Clásico que registrou o maior público da história do futebol feminino, com 91.553 torcedores no Camp Nou,, na Catalunha/ESP, o Barcelona goleou o Real Madrid por 5 a 2 e se classificou às semifinais da Uefa Women’s Champions League 2021-22. No placar agregado, as catalãs venceram por 8 a 3 e seguem em busca do título continental. Apesar do expressivo resultado, o técnico merengue Alberto Toril observou as consequências do confronto com o “copo meio cheio” ao analisar a diferença entre um trabalho blaugrana consolidado em relação ao estágio em que encontra o time feminino do Real Madrid.

Real Madrid carece de anos e de experiência. O clube está trabalhando muito bem, estamos fazendo progressos. Ao se dar conta, havia muitas jogadoras com menos de 22 anos em campo. Nós precisamos de experiência, precisamos disputar muitos desses jogos. O Barcelona é uma equipe experiente, já existe há muito tempo e já chegou a seis semifinais. Nós acabamos de chegar. Tornamos as coisas difíceis para elas e esse é o caminho”, disse.

Toril destacou o calendário com muitos jogos em pouco tempo, o que dificulta as atletas estarem no máximo nível possível de condicionamento físico para um duelo tão importante como o El Clásico disputado por uma competição internacional. E novamente comparou o nível do Real Madrid com o do Barcelona.

“Eu mudaria algumas coisas, mas precisa se adaptar às circunstâncias. Estamos trabalhando bem, mas a cada três dias temos um jogo importante no Campeonato Espanhol, o que vai nos permitir jogar novamente nesta competição. Elas não têm essa pressão, elas podem dar algumas pausas. Elas têm uma grande equipe, as coisas são como são e nós temos nos aproximado do nível delas”, continuou.

O comandante madrileno parabenizou a sua equipe ao destacar todo o empenho durante a preparação nas últimas semanas para o confronto que sacramentou a despedida do time da Uefa Women’s Champions League.

“Eu disse a elas para não se concentrarem apenas no resultado. O mês foi duro, tivemos lesões importantes, jogamos muitas partidas e temos um elenco reduzido. Conseguimos nos recuperar e temos algumas coisas muito positivas”, concluiu.

A equipe feminina do Real Madrid se concentra agora para as competições nacionais nos últimos meses da temporada. A equipe merengue volta a campo às 7 da manhã do próximo domingo (3) para enfrentar o Sporting de Huelva, pela 14ª rodada da Primera Iberdrola (Campeonato Espanhol Feminino), no Estádio Nuevo Colombino, em Huelva/ESP.

VAVEL Logo