Müller lamenta atuação do Bayern contra Villarreal: "Coisas poderiam ter sido muito piores"
Foto: Divulgação / UEFA

O resultado mais surpreendente do jogo de ida nas quartas de final da Uefa Champions League aconteceu na tarde desta quarta-feira (6). O Bayern, franco favorito, não conseguiu repetir o desempenho das fases anteriores e perdeu para o Villarreal na Espanha, por 1 a 0.

Em campo, os submarinos amarelos surpreenderam e poderiam ter saído da Espanha com um resultado ainda melhor. Isso porque Gerard Moreno quase marcou um golaço do meio de campo após saída errada de Manuel Neuer. Soma-se a isso um golaço do Villa, que terminou anulado por impedimento ainda no fim do primeiro tempo. Chances não faltaram.

Por outro lado, o Bayern teve mais volume de jogo, posse de bola, mas não conseguiu balançar as redes. Os cruzamentos quase sempre eram rebatidos. Assim os bávaros terminaram com 22 chutes, sendo quatro no gol, mas com uma produção ofensiva péssima. Sem deixar os alemães marcarem, o Villarreal quebrou uma sequência incrível do Bayern, que marcou gol em todos os jogos da Champions desde 2019.

Thomas Müller lamenta derrota, mas acredita que poderia ter sido pior

Após a partida, o camisa 25 do Bayern, Thomas Müller falou sobre a derrota dos Bávaros e tratou de valorizar a estratégia do Villarreal, assim como a vitória dos adversários. Além disso, afirmou que o clube alemão precisa reagir no jogo da volta para tentar a classificação.

"Temos de aceitar este resultado. Sabemos que as coisas poderiam ter sido muito piores. Temos que dar mérito ao nosso adversário. Agora precisamos nos recuperar para a segunda partida e reagir."

Müller, assim como o restante do time do Bayern, não fez uma boa partida. O meia-atacante sequer finalizou a gol. Esperança dos bávaros, Lewandowski também não conseguiu ir bem. Finalizou duas vezes, sendo uma no gol e uma pra fora, mas pouco tocou na bola, uma vez que quase não chegava.

Nagelsmann admite que Bayern mereceu perder

Foto: Divulgação / UEFA

Técnico do Bayern, Julian Nagelsmann admitiu que o time não foi bem na partida desta quarta-feira (6), e faltou consistência, sobretudo na primeira etapa. Apesar da melhora no segundo tempo, o treinador afirmou que os alemães mereceram a derrota e poderiam ter saído de campo com três a zero, ao invés de apenas um.

"Merecemos perder. Não estivemos bem hoje. No primeiro tempo faltou consistência a defender e criamos poucas oportunidades a atacar. Na segunda parte o jogo esteve completamente partido. Perdemos o controle, porque estávamos desesperados por marcar, mas a verdade é que poderíamos ter sofrido mais dois."

Apesar do clima ruim após a derrota, nada está perdido. O Bayern precisa reverter uma vantagem de apenas um gol na segunda partida, na Allianz Arena. O jogo de volta acontece na próxima terça-feira (12), às 16h, em Munique.

VAVEL Logo