Arsenal vence Chelsea no Stamford Bridge e sonha com vaga na Champions League
Foto:  Divulgação/Arsenal 

Em jogo atrasado pela 25ª rodada da Premier League, Chelsea e Arsenal protagonizaram, na tarde desta quarta-feira (20), um clássico recheado de gols, no estádio Stamford Bridge, em Londres.  Depois de três derrotas seguidas, os Gunners conseguiram uma vitória por 4 a 2  e ainda sonham com a vaga na Champions League.

Os gols foram marcados por Nketiah, duas vezes, Smith Rowe e Saka, de pênalti.  No mandante, os tentos foram marcados por Timo Werner e Azpilicueta. O time comandado por Arteta fica na quinta colocação, com 57 pontos, enquanto os Blues seguem na terceira colocação, com 62 pontos. 

Primeiro tempo de tirar o fôlego do torcedor 

O derby do norte de Londres começou com o time da casa com muito mais posse de bola e tentando levar mais perigo logo no começo da partida. Com 30% de posse de bola, uma das mais baixas do Arsenal na temporada, o time visitante explorava os contra-ataques em velocidade.

E logo aos 12, após recuo de Cristensen na defesa, Nketiah invadiu a área e finalizou no canto do goleiro Mendy. Foi o primeiro gol do atacante após 29 partidas na Premier League. 

Pouco tempo depois de ter sofrido o gol, o atual campeão europeu conseguiu o empate com o alemão Timo Werner, que recebeu uma bola de Loftus Cheek e finalizou no canto de Ramsdale. 

Depois de um ataque errado do time da casa, o Arsenal saiu em velocidade num contra-ataque letal puxado por Saka, que achou Smith Rowe na intermediária e o meia inglês arrematou no canto de Mendy, chegando ao seu décimo gol na Premier League

Aos 31, após cruzamento de Mason Mount - líder de assistências dos Blues- Azpilicueta dentro da área desviou com pé direito e marcou o gol de empate para o time da casa. 

A raça de Nketiah e o pênalti decisivo de Saka para levar a melhor no clássico

No intervalo para a segunda etapa, o técnico Thomas Tuchel fez mudança no setor defensivo. Sacou o zagueiro Cristensen e colocou o Thiago Silva.  Com a entrada, o brasileiro se tornou o jogador mais velho do Chelsea na Premier, com 37 anos. 

Aos 11,  após erro de passe de Azpilicueta no setor defensivo, a bola sobrou dentro da área para Nketiah que brigou com os zagueiros e conseguiu o remate para o gol.  Segundo gol dele na partida e a liderança no placar.  3 a 2. 

Com o jogo se encaminhando para o fim, Saka converteu o pênalti aos 47 minutos do segundo tempo e fechou o placar no Stamford Bridge. 

Após vencer o Crystal Palace e garantir uma vaga na FA Cup, o Chelsea sofre mais uma derrota na Premier League e ainda não tem vaga garantida na Liga dos Campeões. Já o Arsenal, se recupera na competição e ainda sonha com um retorno a maior competição de clubes do planeta.

Próxima rodada de clássicos para ambos os times

No próximo sábado (23), o Arsenal recebe o Manchester United no estádio Emirates e vai buscar mais uma vitória contra equipes do big six.  E no domingo (24), no mesmo Stamford Bridge, o Chelsea recebe mais um rival local, desta vez será contra a equipe do West Ham. 

VAVEL Logo