Messi e Neymar regem goleada tranquila do PSG sobre Clermont na estreia da Ligue 1
Christian Gavelle/PSG

As primeiras impressões do Paris Saint-Germain sob o comando técnico de Christophe Galtier são as melhores possíveis. Na estreia do time na temporada 2022-23 da Ligue 1, os atuais campeões não tiveram nenhuma dificuldade para ter uma atuação excelente e um resultado ainda melhor diante do Clermont. Em jogo disputado na noite deste sábado (6) no Stade Gabriel Montpied, em Clermont-Ferrand/FRA, o PSG goleou por 5 a 0 com gols de Neymar, Hakimi, Marquinhos e Messi (duas vezes). Destaque para o desempenho de altíssimo nível de Messi e Neymar. Principais referências técnicas do clube na ausência de Mbappé, os sul-americanos decidiram o jogo com três gols e quatro assistências.

Não demorou muito para ver que a vitória era questão de tempo para vir. Após a primeira tentativa aos seis minutos, Neymar marcou aos oito e abriu o placar. Após receber passe de Nuno Mendes no lado esquerdo da área, Pablo Sarabia cruzou, Messi deu um leve toque e deixou o camisa 10 pronto para dominar e bater sem chances de defesa para o goleiro Mory Diaw. A partida era bastante controlável por parte dos visitantes. Os anfitriões tinham muitas dificuldades para passar pela defesa e tinham com o lateral-esquerdo brasileiro Neto Borges a principal referência ofensiva, mas a defesa não era incomodada.

Os grandes espaços deixados pela marcação do Clermont eram o mapa da mina aos parisienses. Sem maiores esforços, a qualidade técnica superior dos jogadores fez a diferença. Aos 25 minutos, Messi avançou pelo meio, tocou para Neymar e o brasileiro deixou a bola com Hakimi. Livre na área, o lateral chutou forte e estufou as redes para marcar o segundo dos atuais campeões. A vantagem poderia ser ainda maior se o goleiro Mory Diaw não realizasse boas defesas, principalmente no jogo aéreo. Após insistir, o PSG chegou ao terceiro aos 38, quando Neymar cobrou falta da esquerda com cruzamento na medida para Marquinhos testar livre e definir o placar do primeiro tempo.

Christian Gavelle/PSG
Christian Gavelle/PSG

Ao iniciar o segundo tempo, a situação era bem evidente. De um lado, o Clermont estava entregue e tentava fazer um jogo digno. Do outro lado, o PSG tinha ciência de que a vitória estava garantida e aproveitaria para ampliar o saldo se as chances ocorressem. A primeira e única chegada perigosa dos donos da casa veio aos sete minutos, quando Andrić recebeu passe de Gonalons na meia-lua, girou e chutou forte. A bola foi por cima da meta com perigo. A partida caiu de rendimento, mas os visitantes mantinham a posse de bola alta, a troca de passes e a presença no campo ofensivo

Após as modificações realizadas pelos dois treinadores, o panorama da partida não foi alterado, mas faltava a participação mais direta de Messi. Desde o primeiro tempo, o craque argentino era bem ativo no ataque, mas não conseguia uma finalização clara para balançar as redes. Até que os espaços ainda maiores deixados pelos defensores do Clermont transformaram a vitória em goleada. Aos 35 minutos, Messi avançou pelo meio em contragolpe, abriu com Neymar no lado esquerdo da área e recebeu de volta para bater cruzado e marcar o quarto gol. Cinco minutos depois, porém, veio a obra-prima. Leandro Paredes fez cruzamento preciso da esquerda, Messi dominou no peito e encobriu Diaw com linda bicicleta para fechar o jogo.

Christian Gavelle/PSG
Christian Gavelle/PSG

Os times voltam a jogar no próximo fim de semana. O PSG vai receber o Montpellier no Parc des Princes, em Paris/FRA, às 16 horas do próximo sábado (13), enquanto o Clermont vai encarar o Stade de Reims no Stade Auguste Delaune, em Reims/FRA, às 10 horas da manhã do domingo (14).

Monaco sofre, mas garante vitória sobre Strasbourg fora de casa

No outro jogo disputado na tarde deste sábado (6) que deu sequência à rodada inaugural do Campeonato Francês, o Monaco enfrentou o Strasbourg no Stade de la Meinau, em Estrasburgo/FRA, teve muitas dificuldades, mas conseguiu vencer por 2 a 1 e iniciar a competição com a conquista de três pontos. Em um jogo onde os goleiros Matz Sels (RCSA) e Alexander Nübel (ASM) se destacaram, os monegascos abriram o placar aos 42 do primeiro tempo com Krépin Diatta e ampliaram a vantagem aos sete minutos da etapa final com Sofiane Diop. Aos 20, os donos da casa diminuíram com Habib Diallo, pressionaram bastante e até chegaram ao empate nos acréscimos, mas Diallo estava em posição irregular e o gol foi anulado.

Divulgação/AS Monaco
Divulgação/AS Monaco

Na próxima rodada da Ligue 1, o Monaco vai enfrentar o Rennes no Stade Louis II, no principado de Mônaco, ao meio-dia do sábado (13), enquanto o Strasbourg terá o Nice como adversário às 12h05 do domingo (14), na Allianz Riviera, em Nice/FRA. Antes, porém, a equipe do principado irá entrar em campo às 15h30 da próxima terça-feira (9) para enfrentar o PSV na segunda rodada da terceira fase eliminatória da Uefa Champions League 2022-23. O jogo será realizado no Philips Stadion, em Eindhoven/NED, e a vitória é necessária, uma vez que os times empataram em 1 a 1 no jogo de ida.

VAVEL Logo