Maiores campeões da UEL, Liverpool e Sevilla decidem título em Basel

Reds precisam vencer para não ficar fora de competições europeias após primeira temporada de Klopp, enquanto os andaluzes buscam o inédito tricampeonato da competição

Maiores campeões da UEL, Liverpool e Sevilla decidem título em Basel
Times somam sete taças da competição (Arte: Alejandro Mateos (VAVEL Espanha)
Liverpool
Sevilla
Liverpool: Mignolet; Clyne, Lovren, Kolo Touré, Alberto Moreno; Can, Milner, Lallana, Roberto Firmino, Philipe Coutinho; Sturridge. Técnico: Jürgen Klopp
Sevilla: David Soria; Mariano, Rami, Carriço, Escudero; Krychowiak, N'Zonzi, Coke, Banega, Vitolo; Gameiro. Técnico: Unai Emery
ÁRBITRO: Jonas Eriksson, auxiliado por Mathias Klasenius e Daniel Wärnmark, todos da Suécia
INCIDENCIAS: Partida única da final da Uefa Europa League 2015-16, no Estádio St. Jakob's Park, em Basel, Suíça; a partida começa às 15h45 (horário de Brasília)

Pela primeira vez na história, Liverpool Sevilla se enfrentarão. E logo numa decisão que envolve sete títulos da Uefa Europa League. Os Reds, que ainda são pentacampeões da UCL, venceram a taça em três oportunidades, enquanto os rojiblancos são atuais bicampeões e conquistaram quatro das últimas dez taças da competição.

O palco da disputa será o St. Jakob's Park, casa do Basel, na Suíça. O estádio tem capacidade para aproximadamente 39 mil torcedores e estará totalmente tomado para a decisão da 45º do segundo torneio de clubes mais importante da Europa, a sétima com o nome de Uefa Europa League. Lembrando que, o campeão da UEL, estará garantido na fase de grupos da próxima Uefa Champions League.

Klopp pede Liverpool paciente para 'realizar sonho da torcida'

A campanha do Liverpool na Premier League não foi das melhores. Com 60 pontos, o time terminou na 8ª colocação e, se não for campeão da UEL, não jogará competições europeias na próxima temporada. Os Reds já decidiram uma taça em 2015-16, mas perderam para o Manchester City, nos pênaltis, a Capital One Cup, em 28 de fevereiro. O último título da equipe foi justamente a Copa da Liga em 2011-12, quando venceu nos pênaltis o Cardiff.

Mudança de postura após chegada de Klopp leva Liverpool à final da UEL

O técnico Jürgen Klopp destacou muito o apoio da torcida do Liverpool durante a sua ainda curta passagem pelo Liverpool, e espera que seu time quebre o jejum de títulos e dê aos torcedores a taça como um prêmio pelo que fizeram durante a temporada.

"Quando mais tempo sem ganhar alguma coisa, mas intensamente você tenta ganhar. Nós já sabemos do desejo dos torcedores. Nós sabemos quanto eles querem essa taça. Eles nos mostraram isso em um impressionante apoio, dentro e fora de casa, viajando toda a Europa. Nós realmente adoraríamos ser o time que faria esses sonhos serem realidade. Eu posso prometer que tentaremos tudo. O problema é que o Sevilla fará o mesmo", ressaltou.

Klopp prometeu total entrega do Liverpool para voltar à Inglaterra com a taça (Foto: Getty Images)
Klopp prometeu total entrega do Liverpool para voltar à Inglaterra com a taça (Foto: Getty Images)

Os Reds têm dois desfalques certos para a final. O atcante Origi, está lesionado, enquanto o zagueiro Sakho está fora por conta de problemas de doping. O capitão Henderson se recuperou recentemente de lesão e é dúvida.

Para chegar à final, o Liverpool ficou em 1º lugar no Grupo A, que tinha Sion, Rubin Kazan e Bordeaux. Nas fases mata-mata, eliminou o Augsburg, o Manchester United, o Borussia Dortmund e o Villarreal.

Bicampeão, Sevilla quer continuar aproveitando 'chances que o futebol dá'

Pela terceira vez consecutiva, o Sevilla disputará a final da Europa League. Dominante na competição nos últimos anos, o time concentrou o final da temporada local em La Liga apenas em garantir-se na zona de classificação para a próxima Europa League: terminou em 7º, com 52 pontos. Além de decidir nesta quarta-feira (18) a UEL, decide no domingo (22) a Copa do Rei contra o Barcelona, em Madrid.

Gameiro, Unai Emery e as peças fundamentais da campanha do Sevilla na UEL

O técnico bicampeão da UEL, Unai Emery, destacou as grandes conquistas do time nas últimas temporadas, mas não quer que o time pare por aí. Se vencer a final de 2015-16, o time se tornará o primeiro tricampeão da história da competição. Antes do próprio Sevilla, que havia tido um bicampeonato em 2007 e 2008, só o Real Madrid em 1985 e 1986 havia alcançado essa marca.

"O Liverpool é um dos 10 melhores times do mundo e tem uma grande história. Todos os meus jogadores têm características especiais e precisaremos fazer o nosso melhor para vencer. Sempre que o futebol dá para você uma chance, você tem que aproveitá-la. O que nós alcançamos nos últimos anos é maravilhoso, mas você não pode parar por aí: você tem que revivê-la e experimentar novamente. Os torcedores do Sevilla sabem disso. Eles olham para o clube com se ele fosse sua segunda esposa ou namorada", comparou.

Sevilla tem chance de fazer história na competição se vencer tricampeonato (Foto: AFP/Getty Images)
Sevilla tem chance de fazer história na competição se vencer tricampeonato (Foto: AFP/Getty Images)

O Sevilla tem três desfalques para a final: o lateral-esquerdo Trémoulinas e os meio-campistas Krohn-Dehli Reyes, todos com problemas de lesão.

Para chegar à final, o Sevilla antes foi eliminado da Champions League. Ficou em 3º no Grupo D, que tinha Man City, Juventus e Borussia M'Gladbach. Nas fases mata-mata da UEL, eliminou o Molde, o anfitrião da final Basel, o Athletic Bilbao e o Shakhtar Donetsk.