México vence Jamaica e garante classificação para as quartas da Copa América Centenário

Em jogo movimentado seleção mexicana vence a Jamaica que segue sem marcar gols na Copa América

México vence Jamaica e garante classificação para as quartas da Copa América Centenário
México bate Jamaica e avança às quartas de final (Foto: Reprodução/Twitter)
México
2 0
Jamaica
México: Ochoa; Dueñas (Molina, min. 71), Néstor Araujo, Yasser Corona, Héctor Moreno; Rafa Márquez, Herrera, Layún; Raúl Jiménez, Chicharito Hernández (Oribe Peralta, min. 76), Jesús Corona (Lozano, min. 61). Técnico: Juan Carlos Osorio
Jamaica: Blake; Watson, Mariappa, Morgan, Jermaine Taylor; Michael Hector, Williamson (Orgill, min. 76), McCleary, McAnuff (Binns, min. 61); Barnes, Donaldson. Técnico: Winfried Shäfer
Placar: 1-0, min.17, Chicharito Hernández; 2-0, min. 80, Oribe Peralta
ÁRBITRO: Wilton Sampaio (BRA). Cartões Amarelos: Watson (min. 27)
INCIDENCIAS: Partida válida pela 2ª rodada do grupo C da Copa América Centenário, disputada no Estádio Rose Bowl, em Pasadena, Califórnia

Na madrugada desta sexta-feira (10), o México derrotou a seleção jamaicana por 2 a 0. Com gols de Chicharito Hernández e Peralta, os mexicanos conquistaram sua segunda vitória na Copa América Centenário, garantindo a classificação antecipada para as quartas de final. Com os resultados, o grupo C conheceu seus dois classificados, além do México, a Venezuela também já tem vaga garantida na fase final da competição. As duas seleções se enfrentam na próxima rodada para definir quem será o primeiro lugar do grupo.

No Rose Bowl, os torcedores mexicanos, que tomaram conta do estádio e fizeram uma bela festa, viram sua seleção buscar a vitória do início ao fim da partida. O jogo foi movimentado, com chances para os dois lados, mas novamente os jamaicanos não conseguiram balançar as redes em um jogo válido pela Copa América. Sem conquistar nenhum ponto nos dois primeiros confrontos do torneio, a seleção jamaicana dá adeus a competição.

México vai para cima, mas dá espaços para os jamaicanos

O primeiro tempo começou com pressão dos mexicanos. Foram cinco minutos, em que a Jamaica assistiu ao jogo. Nesse meio tempo, em bola mau recuada por Watson, Jiménez quase abriu o placar, mas Blake conseguiu consertar o erro do companheiro. Apesar do domínio inicial do México, foram os jamaicanos que criaram a primeira grande chance de gol. Aos 6 min. Donaldson chutou cruzado, mas a bola foi para fora.

Passado o susto, o México voltou a tomar conta do jogo e na primeira oportunidade que teve, aos 17 min., abriu o placar com Chicharito Hernández. Em cruzamento de Jesús Corona, o atacante mexicano subiu e cabeceou para marcar o gol.

Com o gol sofrido, a Jamaica começou a pressionar na área mexicana e só não empataram a partida por causa dos erros de finalização. Além, das boas defesas do goleiro Ochoa que salvou o México em pelo menos duas ocasiões.

Mexicanos continuam pressionando

Na etapa final, o México começou criando as melhores oportunidades. Aos 2 min. Jiménez cruzou para área, mas Chicharito não conseguiu  chegar na bola. Minutos depois, mais um cruzamento, dessa vez de Layún, mas para ninguém. Aos 9 min. o camisa 9 Jiménez aparece de novo com chute colocado que não alcançou a meta do goleiro jamaicano.

Os mexicanos seguem pressionando e quase ampliam em lambança protagonizada por Blake. Somente na metade do segundo tempo, a Jamaica voltou a dar trabalho aos mexicanos. Donaldson tenta mais um chute cruzado e novamente manda para fora. 

Com 31 min. o México faz sua terceira substituição, sai Chicharito Hernández para entrada de Oribe Peralta que quatro minutos depois ampliou o placar para os mexicanos. Em bate, rebate na área, a bola sobrou para o camisa 19 que chutou no canto sem chances para o goleiro.

A seleção jamaicana não desiste e vai em busca do seu primeiro gol na competição. Hector bate forte, mas novamente Ochoa faz uma grande defesa e garante a vitória mexicana por 2 a 0.