Brasileiros são destaque na sexta-feira chinesa

Dos 23 brasileiros na Super Liga Chinesa, 12 podem estar em campo nos dois jogos do dia 24 de junho

Brasileiros são destaque na sexta-feira chinesa
Brasileiros do Jiangsu Suning se divertem no treinamento na véspera do jogo contra o Guangzhou Evergrande (Foto: Sina Sports)

A 14ª rodada da Super Liga Chinesa começa na sexta-feira (24 de junho) com dois jogos. E uma coisa é certa: o que não faltará em ambos é a presença de muitos jogadores do Brasil. Dos 23 brasileiros na competição, 13 podem estar em campo somente na sexta.

O líder Guangzhou Evergrande recebe o terceiro colocado Jiangsu Suning. Quatro pontos separam as duas equipes, e a promessa é de grande jogo no Tianhe Stadium. O técnico Luiz Felipe Scolari sinalizou em entrevista coletiva que Jackson Martínez pode entrar na segunda etapa da partida. O jogo deve ser o último do interino Tang Jing no comando do Jiangsu, já que o novo treinador da equipe Choi Young-Soo ainda não foi apresentado pelo clube.

Comandado por Felipão, o Guangzhou ainda tem no seu elenco os brasileiros Ricardo Goulart, Paulinho e Alan. Enquanto o Jiangsu tem Alex Teixeira, Ramires, Jô e Sammir, que é naturalizado croata.

No mesmo horário, às 8h35, Chongqing Lifan e Shandong Luneng se enfrentam. O jogo põe frente a frente o décimo terceiro e décimo quarta na tabela de classificação. Será a segunda partida do alemão Felix Magath no comando da equipe visitante, que ainda não venceu fora de seus domínios. Até agora foram seis jogos, com dois empates e quatro derrotas. O Chongqing tem um desempenho fraco como mandante, mas conquistou em casa as duas únicas vitórias na liga até agora.

O Shandong tem em seu elenco Diego Tardelli, Gil, Jucilei e Aloísio. Já o Chongqing tem os atacantes Fernandinho e Jael.