Jovem atacante francês Moussa Dembélé troca Fulham por Celtic e assina por quatro anos

Atleta de 19 anos se torna a primeira contratação de Brendan Rodgers no comando dos Hoops

Jovem atacante francês Moussa Dembélé troca Fulham por Celtic e assina por quatro anos
Foto: Reprodução/Celtic FC

Na manhã desta terça-feira (28), o Celtic anunciou via site oficial a contratação do atacante Moussa Dembélé, de 19 anos, que estava no Fulham, da Inglaterra. O jogador chega com um futuro promissor na visão do seu novo comandante, Brendan Rodgers, sendo a primeira contratação do norte-irlandês. Assina por quatro anos e por um valor de compensação de £ 500 mil, visto que estava sem contrato com o clube inglês. Atleta se junta aos seus novos companheiros que estão na Eslovênia, em pré-temporada.

Entendendo da responsabilidade que é vestir a camisa do Celtic, Dembélé se diz ansioso para começar os trabalhos, além de ressaltar a satisfação de ser a primeira contratação de Rodgers. "Eu simplesmente estou muito feliz de estar aqui, em um clube do tamanho do Celtic. Mal posso esperar pra jogar pelo time e pelos torcedores", falou ao Celtic TV. "Ser a primeira contratação da era de Rodgers, porém, é algo muito importante pra mim. Surreal", acrescentou.

Por fim, o francês afirmou que jogar na Champions League por um clube como o dos Hoops é algo de extrema importância pra carreira dele, além de citar Patrick Roberts, jogador emprestado pelo Manchester City, como um conselheiro. "Falei com o Patrick [Roberts] ontem [27] e ele só me contou coisas boas daqui, o que tornou fácil a transferência", finalizou. 

Moussa Dembelé é francês e iniciou sua carreira nas categorias de base do Paris Saint-Germain, antes de ser vendido para o Fulham quando ainda tinha apenas 16 anos. No clube de Londres estreou profissionalmente em 2013 nas partidas da Premier League. Caiu com o clube e continuou lá, onde, só na temporada passada marcou 17 gols em todas as competições.

Com 19 anos, passou por todas as divisões de base do seu país, desde o sub-16 até o sub-20 atualmente. Era preterido por muitos times ingleses, especialmente o Chelsea e o Tottenham, esse último onde quase o contratou em janeiro, porém problemas de última hora cancelaram a transferência.