Martin Harnik chega à China para jogar no Shandong Luneng, mas deixa o país horas depois

Enquanto isso, outros clubes da Super Liga Chinesa continuam se reforçando

Martin Harnik chega à China para jogar no Shandong Luneng, mas deixa o país horas depois
Martin Harnik fez exames pelo Shandong Luneng, mas não assinou com o clube (Foto: Reprodução/ Twitter)

O atacante austríaco Martin Harnik desembarcou às nove da noite (dez manhã no Brasil) de quinta-feira (cinco de julho) em Jinan para iniciar os processos de seu acerto com o Shandong Luneng. O jogador do Stuttgart está sem clube após o término de seu contrato com os alemães.

Por motivos ainda desconhecidos, Harnik deixou a China logo após a realização dos exames médicos. À uma da tarde em Jinan (duas da manhã no Brasil), o austríaco deixou o país. Informações da mídia local diziam que o jogador teria falhado nos exames.

Em entrevista ao Bild, Martin Harnik disse que precisa de tempo para pensar na ideia de jogar na China e reiterou que não fracassou nos exames médicos. O atacante de 29 anos expressou seu desejo de se transferir para um dos clubes da Barclays Premier League.

Mais reforços continuam chegando à China

Se o Shandong tem dificuldades para se reforçar na janela, as outras equipes da Super Liga Chinesa têm aproveitado o período para fortalecer seus elencos. É o caso do décimo-primeiro colocado Liaoning, que não poupou esforços na contratação do atacante nigeriano Anthony Ujah, do Werder Bremen. O clube gastou € 11,5 milhões para assinar com o atacante de 25 anos. Ujah se torna assim o segundo jogador mais caro da atual janela chinesa, ultrapassando o israelense Eran Zahavi.

Anthony Ujah foi recebido com festa pelos torcedores do Liaoning (Foto: Reprodução/ Weibo e Twitter/@chinabrfutebol)
Anthony Ujah foi recebido com festa pelos torcedores do Liaoning (Foto: Reprodução/ Weibo e [email protected])

O Beijing Guoan foi mais um time a reforçar o seu setor ofensivo. O time dos brasileiros Renato Augusto, Ralf e Kléber acertou a contratação do uzbeque Igor Sergeev. O atacante de 23 anos pertence ao Pakhtakor Tashkent, de seu país, e fica no time de Pequim até o fim da temporada.