Guia VAVEL SPL 2016/2017: Kilmarnock FC

Um dos mais tradicionais, os Killies tentam fugir da zona de rebaixamento e querem se estabelecer entre os seis primeiros com o passar dos anos

Guia VAVEL SPL 2016/2017: Kilmarnock FC
(Foto: Hugo Alves/VAVEL.com)

Fundado há 147 anos, o Kilmarnock é o clube mais antigo da Escócia e um dos mais velhos do mundo. Baseado na cidade que leva o nome do time, em East Ayrshire, os Killies, como são conhecidos, tem a característica de ser um dos mais vitoriosos e valentes do país fora a dupla Old Firm. Isso se explica muito pelas presenças nos três torneios principais da Europa, coma antiga Copa Europa (Champions League hoje), Uefa Cup (Europa League) e Copa dos Campeões, torneio extinto pela entidade, mas que era o terceiro do escalão de torneios continentais. Uma das principais conquistas também é o feito de ter chegado à semifinal da antiga Taça das Cidades com Feiras, hoje também Europa League, mas foi eliminado pelo Leeds United na final, em 1966/67.

Contudo, apesar de toda a tradição que o clube suporta, nas últimas temporadas ela não anda bem aparecendo da maneira que deveria, não. Nos dois últimos anos, o clube lutou para não cair e ano passado foi preciso disputar o playoff de rebaixamento contra o Falkirk para conseguir se manter na Premiership. A busca da equipe para este ano, porém, é a distância de todo esse mal que a zona de rebaixamento traz a qualquer time no mundo.

Para a temporada o clube conseguiu fazer algumas contratações para reforçar partes do time que não estavam correspondendo com as expectativas criadas no clube. Dentre elas, a principal é Souleymane Coulibaly, da Costa do Marfim. Aquele mesmo que acabou deslanchando na Copa do Mundo sub-17 em 2011 e acabou sendo contratado pelo Tottenham, que vencera a disputa com Real Madrid e Manchester United. Não rendeu no clube inglês e foi emprestado para alguns clubes, até que foi parar no Peterborough, onde sai no fim da temporada passada, ficando livre e indo a custo zero para o Killie.

Marcado por maus resultados nos clubes anteriores, o treinador Lee Clark é o comandante do Kilmarnock desde o primeiro semestre deste ano. Assumiu o clube com a missão de fazer o que não fizera ao Blackpool: salvar do rebaixamento. Conseguiu, mesmo que tivesse que disputar a vaga nos playoffs. Agora  teve toda uma pré-temporada para acostumar o time ao seu estilo de jogo e terá uma temporada toda pela frente, onde poderá ser refletida melhor sua posição como técnico. O seu contrato vai até 2019.

Estádio

Localizado em Kilmarnock mesmo, o estádio Rugby Park é um dos mais tradicionais entre os torcedores escoceses. Sendo um dos maiores estádios do país, suporta quase 18 mil pessoas, todos sentados, como manda o padrão Uefa/Fifa.