Da brincadeira à fama: conheça Paulo Vitor, o sósia de Messi que virou celebridade na internet

Brincadeira que começou em Palmas, capital do Tocantins, virou um fenômeno na internet. Perfil atrai milhares de seguidores e piadas se espalham pelas redes sociais

Da brincadeira à fama: conheça Paulo Vitor, o sósia de Messi que virou celebridade na internet
Da brincadeira à fama: conheça Paulo Vitor, o sósia de Messi que virou celebridade na internet

Não precisou de mais de uma publicação. Bastou um simples perfil na internet, sem muita grife ou edição. Uma piada bem feita. Foi o suficiente para Paulo Vitor, ou melhor, o sósia de Messi, virar um fenômeno na internet. Foram milhares de compartilhamentos, montagens e interações que fizeram a vida do morador de Palmas mudar do dia para noite. Mas, quando perguntado sobre o futuro em entrevista para a VAVEL, o tocantinense é enfático: quer ser ele mesmo e não viver à sombra do craque do Barcelona.

"Acredito na minha estrela, mas não posso viver achando que 'sou o cara'. Não tinha o objetivo de ficar famoso, nem sabia usar as redes sociais. Agora tudo mudou. Pretendo crescer mostrando que eu sou, quero fazer vídeos engraçados e agarrar as oportunidades que aparecerem", declarou.

Paulo Vitor é torcedor do Flamengo e apaixonado pelo Barcelona. Mora junto com seu pai e é bastante ligado à religião. Aos 26 anos, não quer se deixar levar pela fama momentânea. Mesmo tendo se tornado uma celebridade e com consiência das oportunidades que se abriram, deseja manter os pés no chão.

"Não tenho algo premeditado. Meu planejamento é aproveitar as oportunidades que surgirem e manter sempre os pés no chão. Ir devagar. Se for pra ser, vai ser. Nunca pensei que o povo fosse gostar tanto disso. Espero que as pessoas me vejam de um jeito diferente, algo que não seja apenas o 'sósia do Messi'"

E Paulo Vitor pode ter a chance da sua vida na semana que vem. Brasil e Argentina se enfrentam na próxima quinta-feira (10), às 21h45, no Mineirão, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo 2018. Em outras palavras, Messi estará no Brasil. É a grande chance do sósia encontrar seu criador - e planos não faltam para isso acontecer.

"Sinceramente? Não sou muito ligado a futebol. Sou fã, mas não acompanho muito. Não sabia do jogo, mas você me deu uma boa ideia. Do jeito que eu pareço com ele, é capaz de causar euforia se eu aparecer por lá. Tentarei ir à Minas Gerais e encontrá-lo"

VAVEL: Primeiramente, fora do personagem, quem está por trás do sósia do Messi?

PAULO VITOR: "Meu nome é Paulo Vitor, tenho 26 anos, faço faculdade de gestão pública na IFOP. Estou no terceiro período. Me considero uma pessoa sonhadora, que não tem medo do impossível e quer descobrir novos horizontes"

VAVEL: E como surgiu essa ideia de ser um sósio oficial do Messi?

PV: "Surgiu em uma brincadeira de amigos. Alguém comentou e achei engraçado. Falei que ia criar um perfil nas redes sociais para divulgar a brincadeira e deu certo. Falei que "ia ser o clone do Messi". Eles riram e me apoiaram. Todos eles"

VAVEL: E seus pais sabem dessa história?

PV: "Sou adotivo, então, só meu pai poderia saber. Mas, ainda não contei pra ele. Aconteceu tudo muito rápido e a ficha ainda não caiu. Não pensei que o povo fosse gostar tanto e ainda estou me acostumando com isso. Vou contar logo pra ele, aí o orgulho será ainda maior"

VAVEL: O status de 'sósia do Messi' já te ajudou na vida amorosa?

PV: "Não tenho namorada, então, creio que ser um sósio do Messi pode me ajudar nesse caso. Hoje em dia vale mais a essência do que o frasco, né? Gosto de conquistar e meu jeito chama atenção. Não o sósia do Messi, mas sim o meu jeito. Criei o perfil para me divertir, mas minha vida amorosa segue sendo eu"

VAVEL: E como lidar com a fama instantânea? Você virou uma 'celebridade' do dia para a noite...

PV: "Eu estou adorando tudo isso. Como disse, a ficha ainda não caiu. Mas, eu continuo sendo eu. No fundo, a gente sabe quem é quem. Quem está conosco e quem se aproxima por causa do sósia. Sei quem está comigo e espero curtir cada segundo porque só Deus sabe o dia de amanhã"

VAVEL: Mas acredito que não apenas de apoio viva seu perfil. Devem ter muitas piadas de mal gosto também. Como você lida com isso?

PV: "É muito bom você perguntar isso. Ontem, meu amigo me marcou em um site e vi pessoas falando coisas horríveis. Não consegui terminar de ler. Fiquei muito abalado. Meus amigos me levaram para sair depois disso e eles me apoiaram muito. No dia seguinte, várias pessoas me ligaram dizendo que eu estava famoso. Sei que Deus escreve certo por linhas tortas"

VAVEL: Você pretende levar esse projeto para o futuro? Qual o seu planejamento daqui para frente?

PV: "Não tenho algo premeditado. Meu planejamento é aproveitar as oportunidades que surgirem e manter sempre os pés no chão. Ir devagar. Se for pra ser, vai ser. Nunca pensei que o povo fosse gostar tanto disso. Espero que as pessoas me vejam de um jeito diferente, algo que não seja apenas o 'sósia do Messi'"

VAVEL: Na biografia do seu perfil, você diz que está "adorando a fama". Você pretende ficar mais famoso ainda, saindo apenas das redes sociais e alcançando mais público?

PV: "Com certeza! Acredito na minha estrela, mas não posso viver achando que 'sou o cara'. Não tinha o objetivo de ficar famoso, nem sabia usar as redes sociais. Agora tudo mudou. Pretendo crescer mostrando que eu sou, quero fazer vídeos engraçados e agarras as oportunidades que aparecerem"

VAVEL: Você já foi procurado por alguém para algo mais?

PV: "Alguns sites me procuraram, mas ainda nenhum grande projeto. Divulguei meu número e vieram me procurar. Estou disposto a fazer qualquer coisa que vier. Essa semana foi uma loucura. Não é fácil virar celebridade de uma hora para outra"

VAVEL: Brasil e Argentina se enfrentam no dia 10, no Mineirão, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. Messi vai estar no Brasil. Pretende dar um jeito de encontrá-lo?

PV: "Sinceramente? Não sou muito ligado a futebol. Sou fã, mas não acompanho muito. Não sabia do jogo, mas você me deu uma boa ideia. Do jeito que eu pareço com ele, é capaz de causar euforia se eu aparecer lá. Tentarei ir à Minas Gerais e encontrá-lo"

VAVEL: Você falou que não é muito ligado a futebol, mas, torce para algum time?

PV: "Sou Flamengo no Brasil e Barcelona no coração. Tenho o sonho de ver o Messi jogando no Flamengo um dia. Aliás, quem não tem? Seria tudo. O melhor do mundo no Brasil seria sensacional"

VAVEL: Messi já foi eleito cinco vezes como o melhor jogador do mundo. E o sósia jogando bola, como é?

PV: "Eu sou ruim demais (risos). O povo passa raiva comigo. Sou o famoso café com leite. Tenho a cara do Messi, mas passo longe no futebol. Deus me deu outros dons e não foi de jogar bola. Isso eu deixo com ele mesmo"

VAVEL: Tem algum outro jogador que você admire além do Messi?

PV: "Cristiano Ronaldo. Ele é muito bom"

VAVEL: Mesmo com o Cristiano Ronaldo sendo o principal concorrente do Messi no futebol?

PV: "Eu sei. Torço para que vença o melhor apenas. Meu número 1 é o Messi. O segundo sempre será o Cristiano Ronaldo. Os torcedores precisam aprender a ter espírito esportivo. Futebol é para unir. Somos todos irmãos"

VAVEL: Por fim, deixe uma mensagem para as pessoas que vão ler essa entrevista.

PV: "Quero dizer que não sou apenas um sósia do Messi, sou um sonhador.  Alguém que vem para somar e tem muito talento. Paulo Vitor sempre vai tentar agradar as pessoas pois sei que sempre vai ter alguém para acreditar em mim. Isso me fortalece. Agradeço a meu pai e a Deus pelo apoio de sempre. Obrigado também a todas as pessoas que se divertem com essa brincadeira, não tem fama que pague essa experiência"