Com CR7, Real Madrid busca bicampeonato da Supercopa da Uefa contra United

No retorno do português, que não é dúvida para sair jogando, atuais bicampeões da UCL encaram ingleses na primeira decisão da temporada

Com CR7, Real Madrid busca bicampeonato da Supercopa da Uefa contra United
Foto: Editoria de Arte
Real Madrid
Manchester United
Real Madrid: Navas; Carvajal, Varane, Ramos e Marcelo; Casemiro, Kroos e Modric; Bale, Benzema e Ronaldo (Isco). técnico: Zinedine Zidane
Manchester United: De Gea; Valencia, Lindelof, Smalling e Blind (Darmian); Matic, Herrera e Pogba; Mkhitaryan, Lukaku e Rashford. técnico: José Mourinho
INCIDENCIAS: partida válida pela decisão da supercopa da uefa, realizada na Philip II Arena, em Skopje, Macedônia

A temporada 2017/18 do futebol internacional vai começar para Real Madrid Manchester United. Nesta terça-feira (8), espanhóis, atuais bicampeões da Uefa Champions League, e ingleses, que levaram a última edição da Uefa Europa League, duelam em Skopje, na Macedônia, às 15h45, pela decisão da Supercopa da Uefa. Essa será a primeira vez que as duas equipes se encontram pela Supercopa.

A Europa está aos pés do Real Madrid. Bicampeão da UCL, sendo a terceira nos últimos quatro anos, além de ser, de longe, o maior campeão, os merengues querem mais nesta temporada e iniciam esse feito na Macedônia, buscando o bicampeonato da Supercopa. Caso vença, os merengues ficarão isolados no posto de segunda equipe com mais conquistas com quatro, ficando atrás apenas de Barcelona Milan, ambos com cinco títulos.

O United parece ter recuperado o protagonismo na Europa. Essa será a quarta vez que os ingleses disputam a Supercopa, sendo a primeira desde 2008. O United só tem um título, sendo em 1991. Agora, os Red Devils querem "surpreender" os merengues para buscar seu segundo título.

No retorno de CR7, que é dúvida para sair jogando, merengues buscam terceiro título em quatro anos

Após a novela sobre sua permanência ou não no Real Madrid, a água baixou e Cristiano Ronaldo seguirá dando alegria aos torcedores merengues. E a sua temporada se inicia nesta terça-feira, quando o português, que é dúvida para sair jogando, foi relacionado pela primeira vez por Zinedine Zidane, já que o próprio não participou da pré-temporada com o resto da equipe nos Estados Unidos.

CR7 está de volta | Foto: Anadolu Agency/Getty Images
CR7 está de volta | Foto: Anadolu Agency/Getty Images

O técnico francês falou sobre a importância da partida, afirmando que nada mais interessa, a não a vitória: "O jogo de amanhã é da maior importância. Estamos aqui para ganhar. Nada mais interessa. Estou no Real Madrid há 16 anos e joguei por outras equipas contra o Real, sendo que é a equipe que todos querem ganhar. É o Real Madrid - a melhor equipe do mundo a quem todos querem ganhar. Sabemos que todos os anos se torna mais difícil e vamos tentar repetir esta temporada o que se passou e gostamos disso".

Além disso, também garantiu que o estilo de jogo da equipe não mudou em relação à última temporada: "Vamos jogar da mesma forma de sempre. Não iremos mudar a forma de jogar por causa do jogo de amanhã. Estamos preparados. Queremos ganhar troféus; e vamos tentá-lo com muito trabalho e humildade. Em relação à temporada passada e a esse respeito não vamos mudar nada", finalizou.

A expectativa é que o trio BBC esteja reunido na primeira partida oficial da temporada, mesmo que Cristiano Ronaldo, por estar um pouco fora de forma, possa ser substituído por Isco na equipe inicial. Gareth Bale, que teve um leve problema no tornozelo na semana passa, também deve sair jogando. De resto, é a mesma equipe campeã da Uefa Champions League na temporada passada.

Com zaga remendada, United busca segundo título da Supercopa

Se no Real Madrid o discurso de Zidane é mais sério e contido, no Manchester United a história é um pouco diferente. José Mourinho, treinador dos Red Devils, e que já esteve no outro lado, se mostrou bastante confiante e animado com a partida desta terça-feira, exaltando a oportunidade de encarar o campeão europeu, além de falar que sua equipe precisa desfrutar esse "momento especial".

"Estou entusiasmado por jogar a Supercopa e por enfrentar o campeão europeu. É uma honra quando se trata do campeão europeu e ainda mais quando essa equipe é que tem mais troféus e história. Temos de jogar e de desfrutar de um momento especial porque não são muitas as vezes que um jogador tem a possibilidade de disputar a Supercopa", disse o português.

Mourinho também falou que ainda mantém uma boa relação não só com alguns jogadores que treinou no Real Madrid, mas também no Chelsea Internazionale"Mantenho um bom relacionamento com alguns [jogadores do Real Madrid] – continuamos em contato, pelo telefone –, mas com outros nem isso há. Mas acontece o mesmo com alguns dos jogadores do Chelsea e da Inter".

Do meio para frente o United vem com força máxima, mas a defesa será uma dor de cabeça para Mourinho, já que Bailly e Phil Jones, suspensos, Rojo e Luke Shaw, contundidos, não vão para a partida. Com isso, a defesa deve ser formada por Valencia, LindelofSmalling Blind, com Darmian também sendo uma opção para sair jogando. Além deles, Ashley Young, também contundido, é desfalque certo. 

Pogba é a grande estrela vermelha para partida | Foto: Anadolu Agency/Getty Images
Pogba é a grande estrela vermelha para partida | Foto: Anadolu Agency/Getty Images

Futebol Internacional