Com CR7, Messi e três brasileiros, revista divulga os 30 finalistas da Bola de Ouro

Neymar, Coutinho e Marcelo são os brasileiros finalistas. França é o país com mais jogadores na lista, enquanto Real Madrid é o clube com mais atletas indicados

Com CR7, Messi e três brasileiros, revista divulga os 30 finalistas da Bola de Ouro
Foto: Getty Images

A revista "France Football" divulgou na manhã desta segunda-feira (9) os 30 finalistas à Bola de Ouro, honraria ao melhor jogador do ano. Finalistas ao "The Best" da Fifa, Cristiano Ronaldo, Messi e Neymar estão confirmados na lista. Além do camisa 10 da Seleção Brasileira e do PSG, Coutinho e Marcelo também foram indicados.

O nome de Neymar foi divulgado logo na primeira lista publicada nas redes sociais da "France Football", ainda na madrugada desta segunda-feira. Ainda na primeira lista, também apareceu o nome do Marcelo. Horas depois, na segunda, surgiu o nome do Coutinho.

Na quinta e penúltima lista surgiu um dos nomes mais esperados: Messi. Na última lista divulgada, apareceu o nome do atual vencedor, Cristiano Ronaldo, favorito a conquistar o prêmio pelo segundo ano seguido e pela quinta vez na carreira.

A França é o país com mais indicados (4). Brasil, Bélgica e Espanha ficaram empatados com três indicados cada. Entre os clubes, o Real Madrid, atual bicampeão da Champions League, foi o clube com mais jogadores (7). 

A Bola de Ouro é uma tradicional honraria, criada em 1956 pela revista "France Football" para eleger o melhor jogador europeu da temporada. Em 1995, atletas de outros países passaram a disputar o prêmio. Em 2010, um acordo com a Fifa unificou os dois principais prêmios individuais do futebol.

A parceria acabou em 2015 e os prêmios voltaram a ser de forma separada, mas em 2016 o português Cristiano Ronaldo conquistou ambos. O último vencedor diferente nas premiações foi em 2004, quando Shevchenko conquistou a Bola de Ouro e Ronaldinho foi eleito pela Fifa o melhor jogador do mundo.

Confira os 30 finalistas:

Goleiros: 

Buffon (Juventus e Itália)
De Gea (Manchester United e Espanha)
Oblak (Atlético de Madrid e Eslovênia)

Defensores: 

Marcelo (Real Madrid e Brasil)
Sergio Ramos (Real Madrid e Espanha)
Hummels (Bayern de Munique e Alemanha)
Bonucci (Milan e Itália)

Meio-campistas: 

Philippe Coutinho (Liverpool e Brasil)
Modric (Real Madrid e Croácia)
Kanté (Chelsea e França)
Mertens (Napoli e Bélgica)
De Bruyne (Manchester City e Bélgica)
Toni Kroos (Real Madrid e Alemanha)
Hazard (Chelsea e Bélgica)
Isco (Real Madrid e Espanha)

Atacantes: 

Neymar (PSG e Brasil)
Cristiano Ronaldo (Real Madrid e Portugal)
Messi (Barcelona e Argentina)
Dybala (Juventus e Argentina)
Luis Suárez (Barcelona e Uruguai)
Lewandowski (Bayern de Munique e Polônia)
Harry Kane (Tottenham e Inglaterra)
Dzeko (Roma e Bósnia)
Griezmann (Atlético de Madrid e França)
Sadio Mané (Liverpool e Senegal)
Falcao García (Monaco e Colômbia)
Aubameyang (Borussia Dortmund e Gabão)
Cavani (PSG e Uruguai)
Benzema (Real Madrid e França)
Mbappé (PSG e França)