Regras e potes: como funciona o sorteio da Copa do Mundo de 2018

Sorteio que define a ordem das chaves da Copa do Mundo da Rússia será realizado em Moscou, nessa sexta-feira

Regras e potes: como funciona o sorteio da Copa do Mundo de 2018
Regras e potes: como funciona o sorteio da Copa do Mundo de 2018

Um dos eventos mais esperados de todo o cenário futebolístico, o sorteio dos grupos da próxima Copa do Mundo, que será disputada na Rússia, ocorrerá nessa sexta-feira (1) e será realizado no Kremlin, complexo fortificado em Moscou, capital do país-sede da competição.

Como um atrativo a mais, a Fifa chamou alguns jogadores marcantes na história das Copas do Mundo para auxiliar no sorteio e representarem suas respectivas seleções. Nessa ocasião, Cafu, Diego Maradona, Carles Puyol, Fabio Cannavaro, Laurent Blanc, Gordon Banks, Miroslav Klose, que levará o troféu da competição ao evento, Diego Forlán e Nikita Simonyan, representante russo, foram chamados para fazer parte da seleta seleção que participará do sorteamento das chaves.

Como funciona o torneio

As equipes são divididas em quatro potes com oito seleções cada. Ficam nos maiores compartimentos as seleções que estavam melhores colocadas de acordo com o Ranking da Fifa de outubro desse ano, e assim por diante. A partir disso, sorteia-se uma nação de cada pote, formando um grupo da competição. Os cabeças de chave, no Pote 1, sempre ocupam a primeira posição do chaveamento; as equipes restantes, por sua vez, passam por outro sorteio, que decide a posição que elas ficam nos grupos – e, consequentemente, a ordem das partidas dos mesmos.

Para evitar duelos “repetitivos”, a Fifa proibiu que duas seleções da mesma confederação fiquem no mesmo grupo, com exceção, obviamente, à Europa, que possui 14 representantes – dessa maneira, seis grupos terão duas seleções do velho continente, enquanto que dois ficarão com apenas uma e, consequentemente, toda chave terá, obrigatoriamente, uma seleção europeia.

A Rússia, por ser o país-sede, é uma das cabeças de chave e é a única seleção que sabe qual lugar ocupará no sorteio, se encontrando na posição de topo do Grupo A. Consequentemente, os russos farão o jogo de estreia da competição, no dia 14 de junho de 2018.

A posição dos grupos também pode ser muito importante, já que é um dos fatores que definem os confrontos do mata-mata. As equipes do Grupo A enfrentam as do B nas oitavas-de-final: sempre com o primeiro colocado enfrentando o segundo. A mesma regra se encaixa nas seleções dos Grupos C e D, E e F e G e H.

Quais são os potes

Pote 1: Rússia, Alemanha, Brasil, Portugal, Argentina, Bélgica, Polônia e França

Pote 2: Suíça, Espanha, Peru, Inglaterra, Colômbia, México, Uruguai e Croácia

Pote 3: Dinamarca, Islândia, Costa Rica, Suécia, Tunísia, Egito, Senegal e Irã

Pote 4: Sérvia, Nigéria, Austrália, Japão, Marrocos, Panamá, Coreia do Sul e Arábia Saudita