Werder Bremen goleia Stuttgart e deixa zona de rebaixamento da Bundesliga

Equipes realizaram jogo super movimentado e donos da casa levaram a melhor; Stuttgart entra na zona da degola com derrota sofrida

Werder Bremen goleia Stuttgart e deixa zona de rebaixamento da Bundesliga
(Foto: Stuart Franklin/Bongarts/Getty Images)
Werder Bremen
6 2
Stuttgart

O jogo era completamente crucial para Werder Bremen e Stuttgart. Na parte de baixo da tabela de classificação da Bundesliga, as equipes faziam um confronto direto em busca da salvação e da permanência na elite do futebol alemão. Em partida muito movimentada, realizada na tarde desta segunda-feira (02) no Weserstadion, o Bremen levou a melhor e goleou por 6 a 2.

Os gols do duelo, válido pela 32ª e antepenúltima rodada da Bundesliga, foram marcados por Bartels (duas vezes), Barba (contra), Oztunali, Claudio Pizarro e Ujah a favor dos donos da casa. Didavi e Barba assinalaram os tentos da equipe visitante.

Com o resultado, a situação das equipes foi invertida. O Werder Bremen deixou a zona de rebaixamento com a vitória. A equipe subiu duas posições e ocupa o 15º lugar, com 34 pontos. O Stuttgart, por sua vez, caiu para a vice-lanterna, com 33 pontos, e não depende mais de si para permanecer na primeira divisão.

A próxima rodada será realizada neste sábado (07), às 10h30 da manhã. O Werder Bremen encara o Colônia fora de casa, no Rheinenergiestadion. Por sua vez, o Stuttgart enfrenta o Mainz 05 na Mercedes-Benz Arena, na última aparição da equipe diante de seu torcedor na atual temporada.

A partida foi completamente movimentada, com lances importantes desde os primeiros minutos. O placar foi aberto aos 10 minutos pela equipe da casa. Claudio Pizarro tocou para Fin Bartels. Dentro da área, o jogador chutou no canto direito para marcar o primeiro gol do jogo. A bola bateu na trave antes de entrar e a torcida do Werder Bremen comemorar. O Stuttgart respondeu aos 18, quando Kostic chutou forte no travessão.

O jogo foi muito aberto, e os visitantes empataram aos 26 minutos, quando Maxim deu belo passe para Didavi disparar um chute indefensável e marcar o primeiro gol do Stuttgart na partida. Mas não teve muito tempo para comemorar e buscar a virada. Aos 33, após cruzamento na área, Federico Barba desviou contra o próprio gol e colocou o Werder Bremen em vantagem mais uma vez.

Os visitantes acertaram a trave novamente. Aos 37 minutos, Harnik desviou cruzamento na pequena área e a bola explodiu no poste esquerdo. Como aconteceu anteriormente, o Werder Bremen marcou o terceiro gol ainda na etapa inicial. Oztunali recebeu passe fantástico, abriu espaço e chutou da entrada da área para ampliar a vantagem.

No segundo tempo, a partida continuou em alta velocidade. Aos oito minutos, Maxim cruzou para a área e Federico Barba se redimiu do gol contra marcado no primeiro tempo para recolocar o Stuttgart no jogo, com condições de evitar a queda para a zona de rebaixamento. Mas o Werder Bremen tratou de tranquilizar o torcedor e manter a boa vantagem. Aos 19 minutos, o experiente centroavante Claudio Pizarro recebeu assistência de Junuzovic e deixou sua marca no jogo.

Com mais tranquilidade e com o resultado a seu favor, o Bremen foi mais preciso e soube matar as esperanças de reação adversária em lances isolados e decisivos. Aos 35 minutos, Oztunali deixou Fin Bartels na cara do gol para o jogador assinalar seu segundo tento no jogo, o quinto da equipe mandante.

Os treinadores realizaram as modificações com o objetivo de melhorar as estratégias de seus clubes, mas a segunda-feira era do Werder Bremen. Aos 41 minutos, Ujah recebeu a bola dentro da área, colocou a bola no canto inferior esquerdo do gol e deu números finais ao confronto.