Eintracht Frankfurt joga melhor, vence Nuremberg fora de casa e permanece na 1. Bundesliga

Seferovic marcou o gol da vitória que coroou boa atuação das Águias; Glorioso desperdiça vantagem e vai disputar segunda divisão pela terceira temporada consecutiva

Eintracht Frankfurt joga melhor, vence Nuremberg fora de casa e permanece na 1. Bundesliga
(Foto: Alex Grimm/Bongarts/Getty Images)
Nuremberg
0 1
Eintracht Frankfurt
Nuremberg: Schäfer; Brecko, Margreitter, Bulthuis e Sepsi (Hovland – 39’/2ºT); Petrak (Gislason – 29’/2ºT), Behrens, Kerk (Danny Blum – 29’/2ºT) e Leibold; Füllkrug e Burgstaller. Técnico: René Weiler.
Eintracht Frankfurt: Hradecky; Chandler (Ignjovski – 24’/2ºT), Zambrano, Abraham e Oczipka; Hasebe, Stendera (Marco Fabian – 11’/1ºT), Gacinovic, Huszti e Ben-Hatira (Alexander Meier – 13’/2ºT); Seferovic. Técnico: Niko Kovac.
Placar: 0-1, Seferovic, 22'/2ºT.
ÁRBITRO: Christian Dingert | Cartões amarelos: Oczipka (EFR - 24'/1ºT), Marco Fabian (EFR - 06'/2ºT), Kerk (NUR - 11'/2ºT), Brecko (NUR - 27'/2ºT), Seferovic (EFR - 31'/2ºT), Hradecky (EFR - 46'/2ºT), Burgstaller (NUR - 47'/2ºT) e David Abraham (EFR - 49'/2ºT).
INCIDENCIAS: Segundo confronto entre as equipes válido pelos playoffs da Bundesliga 2015-2016. Jogo realizado na tarde desta segunda-feira (23), no Grundig Stadion, em Nuremberg.

Sofrimento. Tensão. Nervosismo. Alívio. Essas foram as sensações do Eintracht Frankfurt no decisivo confronto contra o Nuremberg. O jogo foi realizado na tarde desta segunda-feira (23), no Grundig Stadion, válido pelos playoffs da Bundesliga. Os visitantes jogaram melhor, tiveram maior posse de bola, finalizaram mais e foram premiados com a suada vitória por 1 a 0, com gol marcado por Seferovic, na metade do segundo tempo.

Com o resultado, as Águias encerram a temporada com o objetivo alcançado. Com grande investimento e potencial, o time continua na elite do futebol alemão na próxima edição do Campeonato Alemão, a ser iniciada no próximo mês de agosto. Por outro lado, o Nuremberg desperdiçou vantagem do empate sem gols adquirida no confronto anterior e vai disputar pela terceira vez consecutiva a 2. Bundesliga na próxima temporada.

Eintracht Frankfurt pressiona no primeiro tempo

Na dependência maior de um resultado positivo, o Eintracht Frankfurt estava determinado a não levar em conta o mando de campo do adversário e foi para cima, em busca da vitória que o garantiria na elite do futebol alemão por mais uma temporada. Entretanto, o Nuremberg não dava facilidade ao oponente. Embora não estivesse tão presente no campo de ataque, o time da casa tentava anular as investidas de ataque do Frankfurt.

O empate sem gols colocava o Nuremberg na 1. Bundesliga. Por isso, os mandantes realizavam grande trabalho coletivo. Os jogadores trocavam passes no meio de campo, cadenciava o jogo e esperava o tempo passar para encontrar brechas na defesa rival e finalizar. Aconteceram muitos escanteios na partida, e os zagueiros eram responsáveis por isso.

Na reta final do primeiro tempo, a maior posse de bola do Eintracht Frankfurt foi convertida em oportunidades. Nos 10 minutos finais, os visitantes avançaram as linhas de ataque, encontraram espaço e incomodaram o setor defensivo. A melhor chance veio aos 49 minutos, quando Seferovic avançou e finalizou rápido de fora da área. O goleiro Schäfer estava atento e fez a defesa. Na cobrança de escanteio, o lance não foi aproveitado.

Seferovic marca e garante Eintracht Frankfurt na Bundesliga

O Eintracht Frankfurt continuou a pressionar. Com o jogo cada vez mais próximo do final, o time visitante deixou o time da casa completamente encurralado no campo de defesa, principalmente com as modificações realizadas pelo técnico Niko Kovac, que alteraram o esquema tático e deixaram a equipe ainda mais ofensiva. A primeira boa oportunidade veio aos seis minutos, quando Marco Fabian arriscou de longe, mas errou o alvo.

Com mais posse de bola, os visitantes pressionaram ainda mais. Aos 16 minutos, Marco Fabian foi acionado e arriscou com um forte chute, mas a defesa do Nuremberg desviou e colocou a bola para a linha de fundo. Por buscar mais o jogo, com quatro vezes mais finalizações que o adversário e com posse de bola de 70% fora de casa, o Eintracht Frankfurt conseguiu abrir o marcador. Aos 22 minutos da etapa complementar, Gacinovic fez boa jogada individual dentro da área, desmontou a marcação e cruzou rasteiro para Seferovic empurrar e abrir o marcador fora de casa.

O gol garantia o Eintracht Frankfurt na elite da Bundesliga. Por isso, o técnico René Weiler fez com que a equipe saísse para o jogo e buscasse o ataque, o que não tinha acontecido nos 70 minutos anteriores. A primeira tímida chance da equipe mandante veio aos 27 minutos, quando Füllkrug tentou acionar um companheiro de ataque na área, mas a defesa adversária afastou o perigo. O panorama da partida foi invertido. Com o resultado a seu favor, o Eintracht Frankfurt cadenciava o jogo.

Na reta final do jogo, a partida ficou resumida a um confronto entre ataque do Nuremberg contra a defesa do Eintracht Frankfurt. Foram várias as tentativas de alçar bola na área com o objetivo de acionar os jogadores de ataque da equipe mandante por meio do jogo aéreo, uma vez que a defesa do Frankfurt marcava fortemente na defesa. Aos 43 minutos, Hovland deu preciso passe para Füllkrug, mas o atacante bateu mal e chutou torto, para fora.

 Os visitantes gastavam cada segundo possível, controlavam o jogo e, com o apito final do árbitro, comemorou a sofrida vitória fora de casa e a permanência na elite do futebol alemão na próxima temporada.