Ter Stegen falha e Alemanha perde de virada para Eslováquia

Alemães saíram na frente do marcador, mas cedeu a virada no fim da primeira etapa e ainda contou com um frango do goleiro do Barcelona

Ter Stegen falha e Alemanha perde de virada para Eslováquia
Foto: Divulgação/DFB
Alemanha
1 3
Eslováquia
Alemanha: Leno (Ter Stegen Min. 45), Rudy, Rüdiger, Boateng (Höwedes Min. 64); Hector; Khedira (Weigl Min. 46), Kimmich (Schürrle Min. 75); L. Sané, Draxler, Götze; Mario Gomez (Brandt Min. 46). Técnico: Joachim Löw
Eslováquia: Kozacik, Pekarik, Durica, Skrtel, Svento; Hamsik (Gregus Min. 85), Kucka (Pecovsky Min. 81), Duda (Stoch Min. 61), Hrosovsky (Skriniar Min. 78), Weiss; Duris (Sestak Min. 68). Técnico: Jan Kozak
Placar: 1 – 0 Min. 13 Mario Gomez (Pênalti), 1 – 1 Min. 41 Hamsik, 1 – 2 Min. 43 Duris, 1 – 3 Min. 52 Kucka.
ÁRBITRO: Serge Gumienny (Bélgica)
INCIDENCIAS: Partida Válida em Amistoso Fifa. Estádio: WWK Arena/Augsburg (Alemanha).

Neste domingo (29), Alemanha e Eslováquia se enfrentaram em amistoso de preparação para Euro 2016 na WWK Arena em Augsburg. Os alemães que estão em fase final de testes encarou outra seleção que também estava na mesma situação e buscando encontrar sua equipe ideal para o torneio europeu.

O duelo foi movimentado e os eslovacos venceram de virada pelo placar de 3 a 1, os gols foram marcados por Hamsik, Duris e Kucka. Para os alemães o gol foi marcado por Mario Gomez de pênalti.

A próxima partida da Alemanha será diante da Hungria na Veltins-Arena. Enquanto que a Eslováquia enfrenta a Irlanda do Norte em local ainda não definido. Os jogos ocorrerão no próximo sábado (4/6).

Alemanha saiu na frente do marcador, mas cedeu a virada antes do intervalo

Com uma equipe mais alternativa e testando alguns garotos do time sub-23 Joachim Löw colocou como novidades o goleiro Leno e Kimmich que estavam fazendo suas estreias no time principal. E os alemães começaram em cima e aos 4 minutos em cobrança de escanteio batido por Götze que levantou a bola na área e Boateng de chapa mandou ao gol e Kozacik fez a defesa.

Depois aos 8 minutos Mario Gomez fez grande jogada dentro da área e arriscou cruzado, mas na sobra Draxler arriscou e Pekarik fez a intervenção. Só que aos 13 minutos os alemães tiveram um pênalti a seu favor, Kucka derrubou Götze. Na cobrança, Mario Gomez bateu e converteu.

Os alemães continuaram jogando melhor e desta vez foi com Jonas Hector que arriscou forte e obrigou Kozacik a fazer boa defesa. Minutos depois Khedira deu lindo passe para Draxler que tentou surpreender o goleiro e mandou por cima.

No fim da primeira etapa os eslovacos chegaram ao empate aos 41 minutos Duda serviu para Hamsik, o jogador do Napoli recebeu e bateu colocado marcando um lindo gol, deixando o duelo empatado.

Mas não demorou muito a virada chegou aos 43 minutos em cobrança de escanteio batido por Weiss na medida para Duris, o atacante se antecipou a marcação e mandou para o fundo do gol.

Depois de muita chuva e partida reiniciada, Ter Stegen falha e Eslováquia vence o amistoso

Após trinta minutos interrompidos por conta da chuva a partida foi reiniciada e Joachim Löw colocou Ter Stegen, Weigl e Brandt os dois fazendo sua estreia no time principal. Só que aos 7 minutos os eslovacos aumentaram o marcador em outra jogada de bola parada, Weiss cobrou escanteio a bola viajou a área e Kucka de canhota arriscou ao gol e contou com a colaboração do goleiro do Barcelona que deixou a bola passar por baixo das pernas e aumentar a vantagem aos visitantes.

Logo depois os germânicos tentaram descontar aos 10 minutos Draxler arriscou no cantinho rasteiro, mas Kozacik fez boa defesa e mandou para tiro de canto, só que a arbitragem não viu o desvio do arqueiro eslovaco. Por pouco os eslovacos não aumentaram aos 15 minutos com Hamsik que recebeu assistência e Ter Stegen abafou com uma boa defesa.

A equipe alemã continuou buscando seu gol e na boa jogada de Brandt, o jogador do Bayer Leverkusen deu na medida para Götze que arriscou de fora da área, mas a defesa conseguiu intervir.

No fim da partida Götze tentou mais duas vezes marcar seu gol, a primeira arriscou em cima do zagueiro Durica que não deixou o jogador concluir. Em seguida recebeu de Brandt e mandou no cantinho, passando rente a trave do goleiro. E Schürrle perdeu uma boa chance ao arriscar colocado pra fora.