Especiais Bundesliga 2015/16 Borussia Dortmund: evolução e recordes mesmo sem títulos

Entre derrotas e decepções, aurinegros enfrentaram um período de transição na temporada; mesmo diante de reveses, vários pontos positivos podem ser destacados no clube

Especiais Bundesliga 2015/16 Borussia Dortmund: evolução e recordes mesmo sem títulos
(Foto: Hugo Alves/VAVEL Brasil)

O Borussia Dortmund enfrentou um período de transição na temporada 2015/16, pois passou por diversas mudanças no comando técnico e no plantel. Mas os resultados não foram de acordo com o esperado e consequentemente, um gosto amargo restou ao torcedor aurinegro.

Após sete anos, Jürgen Klopp e demais membros da comissão técnica deixaram o comando do clube e Thomas Tuchel - ex-Mainz 05 - foi anunciado como novo treinador. Além disso, o mercado de transferências foi movimentado em Dortmund no início da jornada, já que oito atletas chegaram e nove saíram do clube.

No entanto, a 105ª temporada do Dortmund – a 40ª consecutiva na Bundesliga – foi marcada por derrotas e decepções. O sonho de conquistar o título alemão foi, mais uma vez, tomado pelo principal rival Bayern de Munique.

Apesar do bom futebol apresentado em alguns momentos e mesmo brigando de igual para igual na ponta da tabela, os aurinegros não conseguiram superar os bávaros. A Bundesliga foi decidida de forma antecipada, já que o Bayern de Munique conquistou o tetracampeonato alemão na 33ª e penúltima rodada da competição, além de ter concluído a campanha com dez pontos à frente do Dortmund.

Dos 34 jogos disputados pelo Borussia Dortmund na Bundesliga, a equipe venceu 24, empatou seis e perdeu apenas quatro. Além disso, a equipe foi dona do melhor ataque e da segunda melhor defesa da competição, já que marcou 82 gols e sofreu 34. Contudo, o aproveitamento dos aurinegros na competição foi equivalente a 76%.

O principal destaque dos aurinegros na competição foi o meio campista Henrikh Mkhitaryan. De acordo com habitual votação realizada pela revista alemã Kicker, o armênio foi eleito o melhor jogador da Bundesliga com 31,6% dos votos.

Mkhitaryan foi o líder de assistências da competição, além de ter contribuído com 11 gols. O camisa 10 do Dortmund, aos 27 anos e no auge de sua forma física/técnica é avaliado em € 30 milhões, cerca de R$ 120 milhões.

Além de Mkhitaryan, outro destaque – não menos importante – foi o americano Christian Pulisic. O meio campista de apenas 17 anos aproveitou muito bem os espaços que apareceram no elenco e com muita confiança, não sentiu a pressão de atuar na equipe principal mesmo tão jovem. Em sua ascensão, Pulisic atuou em nove oportunidades pela Bundesliga e marcou dois gols, além de ter participado de três importantes jogos do mata-mata da Uefa Europa League.

Foto: Divulgação/Borussia Dortmund
Resta ao Dortmund pensar na temporada 2016/17 (Foto: Divulgação/Borussia Dortmund)

Portanto, com o fim da atual campanha, obviamente o Borussia Dortmund deverá pensar na temporada 2016/17, pois é necessário suprir a saída de pilares da equipe. Mats Hummels já assinou contrato com o rival Bayern de Munique, e Ilkay Gündogan concretizou negociação com o Manchester City. Além disso, existem as possibilidades de Henrikh MkhitaryanPierre-Emerick Aubameyang e Julian Weigl deixarem o clube, pois são especulados.

O Borussia já confirmou a contratação do frânces Ousmane Dembélé junto ao Rennes, que de acordo com o jornal inglês Guardian, custou aproximadamente £ 28 milhões, cerca de R$ 140,2 milhões. O atacante é considerado a promessa francesa, pois na última edição da League One atuou em 25 jogos e foi responsável diretamente por 17 gols do Rennes, já que balançou a rede 12 vezes e contribuiu com cinco assistências.

Outros possíveis reforços, que já tiveram os nomes vinculados ao Dortmund são Ömer Toprak (Bayer Leverkusen), Shkodran Mustafi (Valencia) e Raphael Varane (Real Madrid).

Entretanto, após as férias, os atletas do Borussia Dortmund obviamente farão a pré-temporada visando melhorar o desempenho na próxima campanha. Previamente, está confirmada a participação da equipe aurinegra na International Champions Cup, que será realizada entre os dias 22 e 28 de julho, nas cidades chinesas Xangai, Pequim e Shenzen.