Joachim Löw explica escolha de Neuer como capitão interino da Alemanha

Treinador esclareceu opção pelo camisa 1: "Melhor goleiro do mundo"; Löw também ressaltou a importância de Schweinsteiger para o plantel

Joachim Löw explica escolha de Neuer como
capitão interino da Alemanha
Alemães estrearam com pé direito na Euro 2016 (Foto: Matthias Hangst/Getty Images)

Após vencer a Ucrânia e estrear com o pé direito na Eurocopa, o treinador da Seleção Alemã, Joachim Löw, falou sobre a decisão de eleger Manuel Neuer como capitão interino. O goleiro substituiu o então capitão Bastian Schweinsteiger, já que o meio-campista não estava apto para iniciar jogando.

"Ambos, Manuel Neuer e Sami Khedira, são líderes. Também gostaria de Sami, pois ele possui os critérios desejados, mas Neuer é o melhor goleiro mundo", disse o treinador.

Sendo assim, dentro do campo a equipe foi comandada por Neuer no triunfo sobre os ucranianos, por 2 a 0. Com gols de Shkodran Mustafi e Bastian Schweinsteiger, a Alemanha celebrou um início bem sucedido na Euro 2016.

O capitão entrou em campo já no fim do segundo tempo, aos 90 minutos, em uma substituição realizada apenas para ganhar tempo e esfriar o jogo, mas Schweinsteiger surpreendeu e deu números finais a partida.

(Photo by Clive Mason/Getty Images)
Schweinsteiger teve o retorno dos sonhos (Foto: Clive Mason/Getty Images)

Já nos acréscimos, em uma jogada de contragolpe, o meio campista de 31 anos se mandou ao ataque e após receber excelente cruzamento pela esquerda, se projetou – livre de marcação – e com o pé direito colocou a bola no fundo das redes. "É tudo muito bom, minha lesão curou, me sinto muito bem e estou feliz por vencermos. Eu tenho talvez 300 minutos em campo em toda temporada, então eu me sinto realmente ótimo, sobretudo pela vitória da equipe”, disse Schweinsteiger.

Joachim Löw também falou sobre os poucos minutos de Schweinsteiger em campo e ressaltou a importância do volante para o plantel alemão. “Na verdade, Schweinsteiger aparecer muito à frente não foi planejado, ele deveria fazer o meio campo mesmo. Ele é importante pela sua personalidade e experiência, ele vale ouro para a equipe”, declarou o treinador. "Bastian ficou muito feliz por ter um regresso dos sonhos, após tantas semanas tentando recuperar sua forma física", concluiu Löw.