Confiante, Schweinsteiger projeta retorno à titularidade da Seleção Alemã

Meio-campista de 31 anos reconhece que sua forma física não é ideal, mas afirma que está pronto para iniciar jogando

Confiante, Schweinsteiger projeta retorno à titularidade da Seleção Alemã
Schweinsteiger está totalmente recuperado da lesão no joelho (Foto: Philippe Huguen/Getty Images)

Totalmente recuperado de lesão e aprimorando a forma física, o meio-campista alemão Bastian Schweinsteiger projeta seu primeiro jogo como titular nesta Eurocopa. Apesar de reconhecer que não está com o ritmo de jogo ideal, o jogador afirma que se sente bem e que está confiante para iniciar uma partida entre os onze.

Schweinsteiger já somou alguns minutos em campo durante a Euro 2016, na França. Pela fase de grupos, o meio-campista entrou aos 89 minutos na estreia diante da Ucrânia e aos 69 minutos contra a Irlanda do Norte. Na última partida, pelas oitavas de final da competição continental, contra a Eslováquia, o atleta substituiu Khedira no minuto 76.

"Eu já tinha confiança para jogar desde o início, eu me sinto bem", afirmou o atleta de 31 anos, após a vitória por 3 a 0 diante da seleção eslovaca. "Já joguei 20, 22 minutos, mas ainda não atuei um tempo inteiro. Meu ritmo atrás não é exatamente o ideal", acrescentou Bastian, que espera iniciar jogando diante da Itália no próximo sábado, em Bordeaux, pelas quartas de final da Eurocopa.

(Foto: Denis Charlet/Getty Images)
Schweinsteiger entrando em campo diante da Eslováquia (Foto: Denis Charlet/Getty Images)

Agora, se somados todos os jogos em Eurocopas, Schweinsteiger se tornou o alemão com mais partidas na história da competição, ultrapassando o companheiro Philipp Lahm - ex-capitão da seleção alemã - que somava 14 jogos. Contudo, Bastian Schweinsteiger seguirá perseguindo o recorde que atualmente pertence ao astro português, Cristiano Ronaldo, que já atuou em 18 oportunidades.

Confira o ranking dos atletas com mais jogos na história da Eurocopa:

1. Cristiano Ronaldo 18 (Portugal)

2. Bastian Schweinsteiger 16 (Alemanha)

2. Edwin van der Sar 16 (Holanda)

2. Lilian Thuram 16 (França)

5. Gianluigi Buffon 15 (Itália)

5. Cesc Fabgregas 15 (Espanha)

5. Andrés Iniesta 15 (Espanha)

8. Philipp Lahm 14 (Alemanha)

8. Iker Casillas 14 (Espanha)

8. Luís Figo 14 (Portugal)

8. Nuno Gomes 14 (Portugal)

8. Karel Poborský 14 (República Checa)