Atual campeã olímpica, Seleção Mexicana empata em duelo de quatro gols contra a Alemanha

Mexicanos ficaram em vantagem por duas vezes, mas os alemães foram insistentes e deixaram o duelo igual

Atual campeã olímpica, Seleção Mexicana empata em duelo de quatro gols contra a Alemanha
Foto: Divulgação/DFB
México
2 2
Alemanha
México: Talavera; Abella, Montes, Salcedo, José Torres Nilo; Gutiérrez, Pérez, Pizarro (Cisneros Min. 81), Lozano (Guzman Min. 83); Bueno, Peralta (Torres Min. 73). Técnico: Raul Gutierrez
Alemanha: Horn; Toljan, Ginter, Süle, Klostermann; S. Bender, L. Bender; Brandt, Meyer (Christiansen Min. 89), Goretzka (Gnabry Min. 28); Selke (Petersen Min. 84). Técnico: Horst Hrubesch
Placar: 1 – 0 Min. 52 Peralta, 1 – 1 58 Gnabry, 2 – 1 Min. 61 Pizarro, 2 – 2 Min. 78 Gnabry.
ÁRBITRO: Alireza Faghani (Irã) Cartão Amarelo: L. Bender (Min. 25).
INCIDENCIAS: Partida Válida Pela 1ª rodada dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Estádio: Arena Fonte Nova/Salvador (Brasil).

Nesta quinta-feira (4) México e Alemanha se enfrentaram pela 1ª rodada dos Jogos Olímpicos Rio 2016 na Arena Fonte Nova em Salvador em jogo válido pelo grupo C. Os atuais medalhistas de ouro foram buscar o bicampeonato olímpico e contam com seu artilheiro Oribe Peralta que marcou os dois gols no duelo contra o Brasil em Londres enfrentou uma seleção que não disputava a edição desde 1988 quando jogou pela ultima vez e veio com muitos desfalques para o torneio e não pode trazer boa parte de seu time principal por conta da não liberação dos clubes.

Em duelo movimentado a partida terminou empatada em 2 a 2, os gols do time mexicano foram de Peralta e Pizarro. Já para os alemães os gols foram de Gnabry e Ginter. O resultado deu um ponto para cada um.

A próxima partida da seleção mexicana será contra Fiji às 13h. Enquanto que a Alemanha enfrenta a Coreia do Sul às 16h, ambos no mesmo estádio e os duelos está marcado para o próximo domingo (7).

Primeira etapa movimentada e nada de gols

Os atuais campeões olímpicos tomaram a iniciativa da partida e foram pra cima nos minutos iniciais, sufocando a saída de bola da equipe germânica que encontrou dificuldades. Logo aos 5 minutos Lozano arriscou de fora da área e obrigou Horn a fazer boa defesa.

Em seguida foi à vez de Gutierrez que arriscou de longe e mandou sem direção à meta do arqueiro alemão. Os mexicanos continuaram melhores e teve oportunidade com Bueno que tentou de surpreender Horn, mas o goleiro estava atento.

A equipe alemã acordou na partida e chegou com perigo aos 16 minutos; em cobrança de escanteio batido por Brandt a defesa afastou e sobrou para Süle que arriscou no cantinho levando perigo ao gol de Talavera. Ainda tiveram outra ocasião gol com Selke, mas o atacante pra fora.

A melhor chance do jogo foi aos 27 minutos com Lozano, o jogador recebeu ótimo passe de Peralta e de frente com Horn arriscou em cima do goleiro que evitou que seria o primeiro gol da partida.

Etapa com quatro gols e o duelo terminou empatado

No inicio da segunda etapa os mexicanos abriram o marcador aos 7 minutos. Em cobrança de escanteio batido por Perez a bola chegou à cabeça de Peralta que ganhou dos marcadores e mandou para as redes.

Mesmo em desvantagem os alemães não se abalaram e foram pra cima e com Gnabry que entrou ainda na primeira etapa, o jogador arriscou no canto direito de Talavera que fez boa defesa. Mas aos 14 minutos conseguiram o empate na ótima assistência de Süle que deu na medida para Gnabry entrar livre e tocar na saída do goleiro, deixando o duelo empatado.

Só que aos 16 minutos a equipe mexicana voltou a ter a vantagem no levantamento na área Bueno escorou de cabeça a bola bateu no travessão e sobrou para Pizarro apenas empurrar para e colocar sua equipe outra vez na frente.

Os alemães não se entregaram e as jogadas saíram dos pés de Gnabry, o jogador do Arsenal se livrou do marcador e arriscou ao gol, obrigando Talavera fazer a defesa. A equipe verde e branca teve tudo para marcar o terceiro aos 29 minutos, Bueno entrou livre pelo lado direito e deu na medida para Lozano que dominou e mandou em cima de Horn fazer a intervenção.

E aos 33 minutos o empate alemão chegou à cobrança de escanteio batido por Brandt a bola viajou a área e chegou à cabeça de Ginter escorar para o gol, deixando mais uma vez o jogo empatado na chuvosa Salvador.