Portugal encara Alemanha pelas quartas de final do Futebol Masculino

Portugueses e alemães se enfrentam em busca de uma vaga para semifinal do torneio de Futebol Masculino dos Jogos Olímpicos Rio 2016

Portugal encara Alemanha pelas quartas de final do Futebol Masculino
Foto: Pedro Vilela/Getty Images
Portugal
Alemanha
Portugal : Bruno Varela; Fernando Fonseca, Tobias Figueiredo, T. Ilori, Ricardo Esgaio; Tomás Podstawski; André Martins, Sergio Oliveira, Bruno Fernandes, Salvador Agra; Gonçalo Paciência. Técnico: Rui Jorge.
Alemanha: Horn; Toljan, Ginter, Süle, Klostermann; S. Bender, L. Bender; Brandt, Gnabry, Meyer; Petersen. Técnico: Horst Hrubesch.
ÁRBITRO: Walter López (Guatemala)
INCIDENCIAS: Partida Válida Pelas Quartas de Final dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Estádio: Mané Garrincha/Brasília. Horário: 13h00 (de Brasília).

Neste sábado (13), Portugal e Alemanha se enfrentam pela fase quartas de final do torneio de Futebol Masculino nos Jogos Olímpicos Rio 2016, no estádio Mané Garrincha, em Brasília. Os portugueses, que jamais conquistaram o ouro olímpico e que foram líderes do seu grupo, enfrentam uma seleção que já teve a oportunidade de ganhar a medalha, mas quando era Alemanha Oriental e desta vez com os países unificados buscam o segundo ouro.

O árbitro da partida será o guatemalteco Walter López e o confronto começa às 13h. No ultimo encontro entre as duas seleções foi pelo Europeu Sub-21, disputado na Dinamarca e os portugueses venceram pelo placar de 5 a 0. Os gols foram marcados por Bernardo Silva, Ricardo, Ivan Cavaleiro, João Mário e Ricardo Horta, naquela partida.

Portugueses buscam o ouro inédito no futebol olímpico

A seleção portuguesa terminou na liderança do Grupo D, onde tinha a bicampeã Argentina. Os portugueses buscam o inédito ouro olímpico que jamais conquistaram na modalidade. A melhor campanha da seleção foi nos jogos de Atlanta em 1996, quando ficaram na quarta colocação perdendo o bronze para o Brasil naquela ocasião.

O time treinado por Rui Jorge espera repetir a façanha de vinte anos atrás e aos menos conquistar uma medalha na modalidade. Os destaques da equipe são o atacante Gonçalo Paciência, que atua pelo Porto, e meia-atacante Carlos Mané, do Sporting. Mesmo não vindo com seus principais jogadores para o torneio por conta da não liberação dos clubes ao não se tratar de uma competição que não faz parte do calendário da Fifa, os lusos espera novamente surpreender.

Em coletiva o comandante da equipe espera um duelo disputado: “É um jogo que prevê ser um dos mais disputados do torneio e enfrentaremos uma boa seleção que também não pode trazer seus principais jogadores para o Brasil, mesmo assim é um time fortíssimo. A Alemanha vem trabalhando muito bem sua base e revelando bons valores. Só que nós temos jogadores de qualidade e vamos à busca da classificação para a semifinal, mas o jogo não será nada fácil contra eles que virá com tudo para cima de nós”.

O zagueiro Tiago Ilori vê uma partida complicada contra uma forte seleção: “O jogo tem tudo para ser um dos mais difíceis deste torneio e vamos enfrentar uma grande seleção que tem excelentes jogadores. A nossa equipe vem preparada para enfrentar por igual e temos boas condições de enfrentar os alemães que vai sair para o jogo. Só que não podemos se descuidar diante dessa seleção que tem jogadores que pode desequilibrar a qualquer momento”.

Alemães tentam superar primeira fase abaixo do esperado com vaga na semi

Os alemães precisaram vencer o modesto Fiji por 10 a 0 para se classificar mesmo não fazendo grandes jogos. A equipe treinada por Horst Hrubesch espera não repetir essa instabilidade diante dos portugueses. O desfalque está por conta de Leon Goretzka que está fora do torneio por conta de uma lesão no ombro.

Para o jogo decisivo, o técnico deve manter o atacante Nils Petersen que marcou cinco gols na ultima partida e Serge Gnabry que vem sendo o melhor jogador alemão no torneio até o momento. Da ultima vez que esteve nos jogos olímpicos em 1988, em Seul, onde conquistaram o bronze.

O treinador alemão espera que sua equipe mostre seu bom futebol nesta fase de mata-mata: “Até o momento não mostramos o grande futebol que nossa equipe sabe jogar e agora temos que mostrar quem somos. A equipe está ciente que conquistar a vaga para semifinal elevará ainda mais a moral da equipe e estou confiante que meus jogadores façam uma grande partida, mas pelo outro lado tem um time muito forte e de jogadores muito técnicos e não podemos se descuidar contra os portugueses”.

Para o agora capitão Max Meyer é a decisão para equipe e mostrar seu grande futebol: “Não será um jogo fácil e tem tudo para ser um dos melhores jogos do torneio, a seleção portuguesa não chegou à toa e vão querer nos incomodar. Nosso time está preparado e queremos conquistar a classificação para que consigamos o ouro olímpico, ainda temos mais duas etapas por vir e não podemos desmerecer o adversário que mostrou um bom futebol até o momento”.