Pohjanpalo entra no segundo tempo, marca hat-trick e Leverkusen vence Hamburgo de virada

Atacante entrou na segunda e fez um Hat-trick dando a vitória a sua equipe na Bundesliga

Pohjanpalo entra no segundo tempo, marca hat-trick e Leverkusen vence Hamburgo de virada
Foto: Divulgação/Uefa
Bayer Leverkusen
3 1
Hamburgo
Bayer Leverkusen: Leno; Henrichs, Tah, Toprak, Wendell (Jedvaj Min. 88); L. Bender, Kampl; Bellarabi *Brandt Min. 2), Mehmedi (Pohjanpalo Min. 72); Chicharito, Çalhanoglu. Técnico: Roger Schmidt
Hamburgo: Adler; G. Sakai, Cléber, Spahic, Ostrzolek; Holtby (Ekdal Min. 66), Hunt; N. Müller, Gregoritsch, Kostic (Halilovic Min. 85); Wood (Lasogga Min. 81). Técnico: Bruno Labbadia
Placar: 0 – 1 Min. 58 Wood, 1 – 1 Min. 79 Pohjanpalo, 2 – 1 Min. 90+1 Pohjanpalo, 3 – 1 Min. 90+4 Pohjanpalo.
ÁRBITRO: Tobias Welz (ALE) Cartões Amarelos: Sakai (Min.64), Tah (Min. 71), Hunt (Min. 83), Kampl (Min. 90).
INCIDENCIAS: Partida Válida Pela 2ª rodada da Bundesliga 2016/17. Estádio: Bay Arena/Leverkusen (Alemanha). Público: 30.210 Pagantes.

Neste sábado (10) Bayer Leverkusen e Hamburgo se enfrentaram pela 2ª rodada da Bundesliga 2016/17 na Bay Arena em Leverkusen. Os leões buscavam a primeira vitória na competição contra um time que brigará ao menos por competições europeias da próxima temporada.

A partida foi movimentada e os donos da casa venceram de virada pelo placar de 3 a 1 com um Hat-trick de Pohjanpalo. Para os visitantes o gol foi marcado por Wood. Com o resultado deu os primeiros pontos aos leões que subiram para quarta posição. Já os dinos estão em décimo terceiro com um ponto.

O próximo jogo do Bayer Leverkusen será nesse mesmo estádio contra o CSKA pela fase de grupos da Uefa Champions League na próxima quarta-feira (14). Pela Bundesliga os leões vão até a Commerzbank Arena o Eintracht Frankfurt. Enquanto que o Hamburgo recebe no Volksparkstadion o RB Leipzig, os jogos ocorrerão no próximo sábado (17).

Etapa inicial com poucas oportunidades para as duas equipes e nada de gols

Os leões buscavam a reabilitação diante do seu torcedor, mas quem foi pra cima foram os visitantes e logo aos 2 minutos Kostic foi acionado e arriscou por cima da meta de Leno. Em seguida foi à vez de Gregoritsch, mas o austríaco mandou pra fora.

A equipe da casa respondeu aos 9 minutos com Mehmedi, o jogador suíço arriscou de fora da área e mandou sem direção ao gol de Adler.

Logo depois os dinos tiveram uma grande oportunidade aos 13 minutos na ótima troca de passes Sakai serviu para Gregoritsch que arriscou no cantinho e levou perigo ao gol de Leno que estava no lance.

Ainda o time mandante teve uma boa oportunidade na cabeça de Mehmedi que desviou o cruzamento de Çalhanoglu, mas Adler estava atento e fez a defesa.

Os visitantes tiveram mais duas oportunidades aos 38 minutos Kostic levantou a bola na área, mas Leno conseguiu afastar de soco. A melhor oportunidade foi com Nicolai Müller que de frente com Leno arriscou fraco, facilitando a defesa do arqueiro.

E o brasileiro Wendell levantou a bola na área, mas ninguém da sua equipe conseguiu desviar para o gol adversário.

Leverkusen vira com um Hat-trick de Pohjanpalo e vence a primeira no campeonato

Os mandantes foram logo atacando e aos 2 minutos Kampl tentou mandar colocado e a bola saiu por cima da meta de Adler. Depois o esloveno tocou para Çalhanoglu que arriscou em cima do arqueiro hamburguês.

Só que aos 13 minutos abriram o marcador Gregoritsch fez um lançamento do campo de defesa para Wood, o atacante se livrou de Leno e mandou para o gol vazio deixando sua equipe em vantagem.

Mesmo perdendo a equipe da casa não se abalou e quase empatou a partida com Henrichs que arriscou cruzado. Em seguida foi a vez de Chicharito arriscar no pé da trave e quase deixar o confronto igual.

Mas aos 34 minutos conseguiram empatar a partida Kampl deu ótimo passe para Brandt que deu na medida para Pohjanpalo cabecear e deixar tudo igual. A virada chegou aos 46 minutos Herinchs tocou para o atacante finlandês mandar no cantinho e marcar um lindo gol.

Ainda o mesmo jogador fez mais aos 49 minutos ao receber de Chicharito e tirar de Spahic e mandando no canto direito de Adler, decretando a primeira vitória da sua equipe na competição.