Bayern de Munique busca manter invencibilidade visitando instável Hamburgo

Bávaros buscarão manter a boa fase diante de um adversário que não começou bem esta temporada

Bayern de Munique busca manter invencibilidade visitando instável Hamburgo
Foto: Vavel
Hamburgo
Bayern de Munique
Hamburgo: Adler; G. Sakai, Djourou, Spahic, Douglas Santos; Ekdal, Holtby; N. Müller, Gregoritsch, Waldschmidt; Wood. Técnico: Bruno Labbadia
Bayern de Munique: Neuer; Lahm, Javi Martinez, Hummels, Alaba; Thiago Alcântara; Renato Sanches, Kimmich; T. Müller, Coman; Lewandowski. Técnico: Carlo Ancelotti
ÁRBITRO: Felix Zwayer (ALE)
INCIDENCIAS: Partida Válida Pela 5ª rodada da Bundesliga 2016/17. Estádio: Volksparkstadion/Hamburgo (Alemanha). Horário: 10h30 (de Brasília).

Neste sábado (24), Hamburgo e Bayern de Munique se enfrentam pela quinta rodada da Bundesliga 2016/17, no Volksparkstadion. Os dinos não começaram bem esta temporada e tem seu treinador Bruno Labbadia balançando no cargo. Os bávaros vivem o oposto e começaram a todo vapor vencendo todas as partidas.

O árbitro da partida será Felix Zwayer e o confronto começa às 10h30. Na ultima partida entre as duas equipes, vitória dos bávaros pelo placar de 2 a 1, com gols de Lewandowski, um deles em cobrança de pênalti. Para os hamburgueses o gol foi marcado por Xabi Alonso, contra.

Hamburgo quer espantar o começo ruim e busca seu primeiro triunfo na temporada

O inicio não foi muito boa para os hamburgueses que se reforçaram nesta atual temporada. A equipe treinada pelo ameaçado Bruno Labbadia perdeu três dos quatro jogos que disputou nesse inicio de temporada e buscará a recuperação diante do atual líder do campeonato que começou bem a competição.

Para o duelo, o técnico fará duas mudanças: entram Holtby e Gregoritsch, deixam a equipe Jung e Hunt. A dúvida é o sérvio Filip Kostic que vem se recuperando de lesão e ficou de fora do jogo passado. O lateral brasileiro Douglas Santos está mantido na equipe, as baixas são Diekmeier lesionado e o jovem Halilovic que não ficou entre os relacionados.

Em coletiva, o treinador se mostra confiante que o time possa recuperar o bom futebol da temporada passada: “Admito que a equipe não venha jogando bem e começamos a temporada muito mal com resultados ruins. Não está sendo confortável iniciar uma temporada desta forma e por conta do investimento que fizemos nesta janela atual. Fiquei decepcionado com os resultados não aparecendo, mas agora é seguir em frente e que possamos fazer uma boa partida contra o Bayern de Munique que é um time muito forte”.

“O duelo contra eles será fundamental para levantar a moral da equipe e se conseguirmos a vitória a confiança irá voltar ao time. A nossa equipe tem bons valores só que não pegaram a confiança e estão sentindo a pressão de vencer. Sei como está sendo os últimos dias e os jogadores vão fazer de tudo para que o resultado apareça”, disse.

Para o volante sueco Albin Ekdal o duelo é complicado e tem tudo para ser uma grande partida: “Jogaremos contra um adversário muito forte que é o Bayern, e temos condições de jogar por igual contra eles. Sabemos da superioridade deles e o favoritismo tem que passar para o lado deles. Vamos tentar fazer o melhor para conquistarmos um grande resultado, mas não será um duelo fácil. Se tudo acontecer ao nosso favor, a confiança vai voltar ao grupo e todos sabem da importância que a partida terá”.

Com 100% de aproveitamento, Bayern buscará manter a boa fase

A equipe de Munique venceu todas as partidas que disputou nesse inicio de Bundesliga e continua com 100% de aproveitamento na competição. O time de Carlo Ancelotti fará algumas mudanças para partida no time entram o zagueiro Mats Hummels no lugar de Boateng, no meio-campo saíram Xabi Alonso e Vidal e entram Renato Sanches e Kimmich e no ataque sai Ribery e entra o jovem Coman.

A única baixa é o brasileiro Douglas Costa, machucado, mas por outro lado conta com retorno de Arjen Robben após seis meses sem jogar e voltou na ultima partida marcando um gol.

O comandante italiano disse que não pode subestimar o Hamburgo: “O adversário não começou bem a temporada, mas não podemos subestimar o adversário pelo seu momento ruim. Sei como são as coisas e quando treinava outras equipes no qual a oponente não vivia boa fase, conseguiu nos superar e não podemos entrar de salto alto na partida. A minha equipe começou bem a temporada e está fazendo sua parte. Uma hora vamos perder e não sabemos quando pode acontecer e se vier será o momento certo”.

“A partida será bem complicada por conta desse momento do Hamburgo que quer dar uma resposta a sua torcida e vai fazer de tudo para que o resultado favoreça a eles. Espero que a equipe faça uma grande partida mais uma vez”, afirmou.

O lateral austríaco David Alaba falou o que espera da partida: “Vai ser um jogo bem movimentado pelo visto. Os jogos contra o Hamburgo foram assim e na temporada passada foi bem truncado e por pouco não se complicamos. Jogar na casa deles não é fácil e faremos de tudo para sairmos com a vitória”.