Bürki lamenta revés do Dortmund diante do Leverkusen : "Estávamos cansados"

A atuação do arqueiro do Dortmund foi um dos únicos aspectos positivos na derrota para o Bayer Leverkusen

Bürki lamenta revés do Dortmund diante do Leverkusen : "Estávamos cansados"
Foto: Reprodução/BorussiaDortmund

O Borussia Dortmund visitou o Bayer Leverkusen neste sábado (1º) na BayArena, em jogo válido pela sexta rodada da Bundesliga. Os aspirinas buscavam uma regularidade no campeonato, enquanto os aurinegros objetivavam aproveitar o tropeço do Bayern de Munique, mas acabaram derrotados por 2 a 0, com gols de Mehmedi e Javier “Chicharito” Hernández.

Apesar da motivação pelo resultado inesperado do Colônia contra o Bayern, na Allianz Arena, o Dortmund não conseguiu repetir as boas atuações das últimas rodadas e acabou derrotado pelo Leverkusen, que não vencia os aurinegros na BayArena desde 2007, colocando fim a um longo tabu.

Um dos poucos pontos positivos, se não o único, foi a atuação do arqueiro Roman Bürki, que mais uma vez fez excelentes intervenções. O suíço justificou a atuação ruim da equipe: “Quando você olha para a primeira etapa, estávamos cansados, não tivemos velocidade em nosso jogo. Jogamos apenas tocando no setor defensivo, talvez com 30 passes em um minuto ou algo do tipo e então eles marcaram o gol e é muito difícil jogar aqui em Leverkusen”, explanou o goleiro do Dortmund.

Schmelzer lamenta partida ruim do Borussia Dortmund

O lateral-esquerdo Schmelzer também falou sobre o revés dos aurinegros neste sábado: “Nós não jogamos bem. Sabíamos que o Leverkusen iria nos atacar com muita energia e agressividade. Na verdade nós tentamos anular o adversário no um contra um. Não fizemos um bom trabalho, especialmente na última linha”, explicou o defensor, que também discorreu sobre o excesso de faltas do Leverkusen, especialmente por parte de Aránguiz: “Ele poderia ter sido amarelado um pouco antes, mas no futebol é permitido marcar um pouco mais forte e ganhar um amarelo”, complementou.

O treinador Thomas Tuchel foi outro importante personagem a falar sobre a atuação de sua equipe: “Foi um jogo intenso e parece que não tivemos a calma para realizar nossa melhor atuação. Parecíamos um pouco cansados, cansados mentalmente”, justificou o treinador.