Em jogo de cinco gols, Rostov surpreende e derrota Bayern de Munique na UCL

Partida teve duas viradas e o time russo superou os comandados de Carlo Ancelotti

Em jogo de cinco gols, Rostov surpreende e derrota Bayern de Munique na UCL
Foto: Divulgação/Uefa
Rostov
3 2
Bayern de Munique
Rostov: Dzhanaev; Kalachev (Terentyev Min. 87), Mevlja, Cesar Navas, Granat; Kudryashov; Erokhin, Gatcan; Noboa; Azmoun (Grigorjev Min. 82), Poloz (Ezatolahi Min. 90+3). Técnico: Ivan Danilyants.
Bayern de Munique: Ulreich; Rafinha, J. Boateng (Hummels Min. 58), Badstuber, Juan Bernat; Thiago Alcântara, Lahm, Renato Sanches (T. Müller Min. 73); Douglas Costa, F. Ribery; Lewandowski. Técnico: Carlo Ancelotti.
Placar: 0 – 1 Min. 36 Douglas Costa, 1 – 1 Min. 44 Azmoun, 2 – 1 Min. 49 Poloz (Pênalti), 2 – 2 Min. 52 Juan Bernat, 3 – 2 Min. 66 Noboa.
ÁRBITRO: Artur Soares Dias (Portugal) Cartões Amarelos: Granat (Min.30), Boateng (Min. 48), Gatcan (Min. 57).
INCIDENCIAS: Partida válida pela quinta rodada do Grupo D da Uefa Champions League, realizada no Stadion Olimp 2, em Rostov-na-Donu, na Rússia.

O Rostov recebeu nesta quarta-feira (23) o Bayern de Munique, no Stadion Olimp 2, na cidade de Rostov-na-Donu, em jogo válido pela quinta rodada rodada do Grupo D da Uefa Champions League. Os russos, que já não tinham mais chances de classificação, encararam um adversário que ainda sonhava em assumir a liderança da chave.

A partida foi cheia de gols e os mandantes venceram, de virada, por 3 a 2, com gols de Azmoun, Poloz e Noboa. Para os alemães, os gols foram anotados por Douglas Costa e Juan Bernat. O resultado deixou o time do sul da Rússia na terceira colocação, com quatro pontos. Já o time de Munique está em segundo, com nove.

O próximo jogo do Rostov pelo grupo é contra o PSV no Philips Stadion. Enquanto que o Bayern de Munique recebe o Atlético de Madrid na Allianz Arena. Os jogos serão realizados no dia 6 de dezembro. Pela Premier League Russa  o Selmash enfrentam o Anzhi no próximo domingo (27). E os bávaros recebem o Bayer Leverkusen pela Bundesliga no próximo sábado (26).

Douglas Costa abre o marcador, mas Azmoun empata antes do intervalo

Ainda buscando a liderança do grupo a equipe de Carlo Ancelotti foi com um time mais alternativo e com as novidades do goleiro Ulreich, do zagueiro Badstuber, os laterais Rafinha e Juan Bernat e o volante Renato Sanches. Na primeira descida ao ataque aos 5 minutos foi com o brasileiro Douglas Costa, o jogador da seleção brasileiro arriscou ao gol, mas mandou fraco facilitando a defesa do goleiro Dzhanaev.

Por pouco os donos da casa não abriram o placar aos 9 minutos no lançamento feito por César Navas para a área, o goleiro Ulreich errou o tempo de bola e saiu mal e Erokhin desviou de cabeça para o gol, mas Bernat salvou em cima da linha.

Os bávaros tiveram uma boa chance aos 22 minutos em cobrança de escanteio batido por Douglas Costa, o brasileiro levantou na área e chegou à cabeça de Badstuber, o zagueiro desviou, mas Dzhanaev no susto espalmou. Em seguida foi à vez de Renato Sanches arrematar do meio da rua e obrigar o arqueiro russo a fazer boa defesa.

E Douglas Costa apareceu mais uma vez ao arriscar de fora da área, depois de tabelar com Rafinha e levar perigo ao gol do time russo. No lance seguinte foram os donos da casa que responderam com Azmoun, o iraniano saiu de frente com Ulreich só que o goleiro abafou o chute do atacante.

Mas aos 35 minutos os bávaros abriram o marcador em boa jogada de Renato Sanches, o português arriscou em cima do goleiro que deu rebote a defesa cortou mal e deu nos pés de Douglas Costa que de chapa mandou para as redes, marcando um belo gol.

Só que antes do intervalo aos 44 minutos os donos da casa chegaram ao empate em um passe errado de Douglas Costa que armou um contra ataque a bola chegou para Poloz depois servir a Azmoun que mandou na saída de Ulreich deixando tudo igual.

Rostov vira partida na etapa final e conquista primeira vitória na competição

Na etapa final os alemães quase voltam a ter a vantagem aos dois minutos Ribery cruzou a bola na cabeça de Lahm, o capitão da equipe apareceu como elemento surpresa e mandou pra fora.

E aos 4 minutos os russos tiveram um pênalti a seu favor cometido por Boateng em cima de Noboa. Na cobrança, Poloz bateu e converteu para sua equipe, virando o marcador no inicio da segunda etapa.

Não demorou muito e aos sete minutos os alemães chegaram ao empate Renato Sanches tocou para Ribery passar para Bernat, o lateral espanhol mandou uma bomba, sem chances para o Dzhanaev.

A equipe de Munique ficou muito exposta no campo de defesa e Azmoun quase deixou sua equipe em vantagem, o atacante iraniano saiu de frente com Ulreich só que o arqueiro tirou com os pés e evitou o gol. Depois aos 22 minutos conseguiram o terceiro numa linda cobrança de falta batido por Noboa, o equatoriano mandou colocado e deixou seu time de novo a frente do placar.