Ibisevic faz dois e é expulso, mas Hertha assegura vitória diante do Mainz 05

Equipe comandada por Pal Dardai chegou à 3ª colocação com a vitória diante do Mainz

Ibisevic faz dois e é expulso, mas Hertha assegura vitória diante do Mainz 05
Kalou e Ibisevic foram os destaques do Herha (Imagem: Divulgação/Bundesliga)
Hertha Berlin
2 1
Mainz 05
Hertha Berlin: arstein, Pekarik, Langkamp, Brooks, Plattenhardt, Lustenberger, Stark, Haraguchi, Stocker (Darida, min. 64) (Esswein, min. 90+2), Kalou (Schieber, min. 84), Ibisevic. Técnico: Pal Dardai
Mainz 05: Lössl, Donati, Bungert, Balogun, Bussmann (Onisiwo, min. 84), Gbamin, Ramalho, Öztunali (Cordoba, min. 75), Malli, De Blasis (Latza, min. 84), Seydel. Técnico: Martin Schmidt
Placar: 0 - 1, min. 26, Seydel. 1 - 1, min. 36, Ibisevic. 2 - 1, min. 67, Ibisevic.
ÁRBITRO: Guido Winkmann (ALE). Cartões Amarelos: Gbamin (min. 30), Ibisevic (min. 58), Darida (min. 87). Cartões Vermelhos: Gbamin (min. 62), Ibisevic (min. 74)
INCIDENCIAS: Jogo válido pela 12ª rodada da Bundesliga, disputado no Olympiastadion, em Berlim.

Em jogo do fechamento da 12ª rodada da Bundesliga, Hertha Berlin recebeu o Mainz 05 no Olympiastadion, na capital alemã neste domingo (27).  Ambas as equipes entraram em campo com o objetivo de se aproximarem das vagas nas competições europeias para a próxima temporada, tendo em vista que as equipes vem realizando uma temporada consistente até o momento e ocupam a parte superior da tabela.

Guido Winkmann foi o árbitro da partida que terminou com triunfo do Hertha por 2 a 1, com dois gols de Ibisevic para os mandantes, enquanto o jovem Seydel descontou para os visitantes.

Mainz sai na frente, mas Hertha busca o empate

Os primeiros minutos da etapa inicial foram marcados por muita observação e estudo entre as partes, sem qualquer chance de perigo criada até os 20’, quando Ibisevic esteve próximo de abrir o placar, mas cabeceou para fora da meta adversária. A resposta do Mainz foi certeira e cinco minutos depois Pablo De Blasis fez boa jogada e serviu o jovem estreante Aaron Seydel, de apenas 20 anos, que finalizou para abrir o placar na capital alemã.

Com o placar desfavorável, o Hertha partiu para o ataque e não demorou muito a conseguir incomodar a zaga adversária, principalmente com Kalou, que aos 36’ assistiu o artilheiro Ibisevic, que girou, finalizou e mandou para o fundo das redes do arqueiro Lössl, igualando o marcador. O gol anotado pelo bósnio foi o seu 99º pela Bundesliga.

Vedad Ibisevic decide e Hertha vira sobre o Mainz 05

O Mainz voltou oferecendo perigo na segunda etapa, principalmente com o jovem Seydel, que assustou em alguns lances, mas Gbamin colocou tudo a perder aos 62’, o meio-campista dos visitantes recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Poucos minutos após a expulsão de Gbamim o Hertha aproveitou a vantagem numérica para virar a partida, mais uma vez com assistência de Kalou para Ibisevic, que marcou o seu 100º gol pela Bundesliga.

Apesar dos gols marcados e da boa atuação, o bósnio encerrou sua participação no jogo aos 74’, quando também recebeu sua segunda advertência e foi expulso, deixando ambas as equipes em igualdade numérica.

Tentando aproveitar a situação, o Mainz foi para o ataque e teve grandes chances de empatar o duelo, com Cordoba e Yunus Malli, que acertou a trave em cobrança de falta, impedindo o 7º gol dele na temporada e o empate. Esswein ainda teve uma grande chance para selar a vitória da equipe da capital alemã, mas acabou desperdiçando, o que não impediu mais uma vitória do Hertha em seus domínios.

Darmstadt assusta, mas Schalke vira e vence a 3ª seguida

O Schalke 04 recebeu o Darmstadt neste sábado (26) na Veltins-Arena, em Gelsenkirchen e venceu por 3 a 1. A equipe visitante assustou nos primeiros minutos de partida e até saiu na frente, com gol de Heller logo aos 6’, no entanto o Schalke, que está em uma excelente fase, empatou ainda no primeiro tempo, com o lateral esquerdo Kolasinac.

Na etapa final os azuis reais imprimiram seu ritmo de jogo e viraram sobre o Darmstadt, com gols de Choupo-Moting e Schöpf, garantindo a terceira vitória consecutiva da equipe comandada por Markus Weinzierl, depois de um péssimo inicio de temporada. Moting ainda desperdiçou uma penalidade máxima.