Favorita ao título, Alemanha estreia com vitória sobre Austrália em jogo de cinco gols

Seleção Alemã marcou no início de cada uma das etapas e viu os cangurus equilibrarem a partida no segundo tempo; árbitro de vídeo foi acionado mais uma vez na Copa das Confederações

Favorita ao título, Alemanha estreia com vitória sobre Austrália em jogo de cinco gols
(Foto: Buda Mendes / Getty Images)
Austrália
2 3
Alemanha
Austrália : MATY RYAN; WRIGHT, SAINSBURY E DEGENEK; MOOY, MILLIGAN, LUONGO (KRUSE, MIN. 46) E ROGIC (TROISI, MIN. 70); MATTHEW LECKIE, JURIC (TIM CAHILL, MIN. 86) E BEHICH. TÉCNICO: ANGE POSTECOGLOU.
Alemanha : LENO; KIMMICH, RÜDIGER, MUSTAFI E JONAS HECTOR; RUDY, GORETZKA, BRANDT (NIKLAS SÜLE, MIN. 62), LARS STINDL (EMRE CAN, MIN. 77) E DRAXLER; SANDRO WAGNER (TIMO WERNER, MIN. 56). TÉCNICO: JOACHIM LÖW
Placar: : 0-1, LARS STINDL, MIN. 4. 1-1, ROGIC, MIN, 40. 1-2, DRAXLER, MIN. 44. 1-3, GORETZKA, MIN. 48. 2-3, JURIC, MIN. 55.
ÁRBITRO: MARK GEIGER (EUA), AUXILIADO POR JOE FLETCHER (CAN) E C. J. MORGANTE (EUA) | CARTÕES AMARELOS: GORETZKA (ALE, MIN. 54), SAINSBURY (AUS, MIN. 63).
INCIDENCIAS: PARTIDA VÁLIDA PELA PRIMEIRA RODADA DA COPA DAS CONFEDERAÇÕES 2017, DISPUTADA NO FISHT STADIUM, EM SOCHI, RÚSSIA.

No encerramento da rodada de abertura da Copa das Confederações 2017, Austrália e Alemanha se enfrentaram em jogo realizado nesta segunda-feira (19), no Estádio Olímpico de Fisht, em Sochi, na Rússia. Com gols de Stindl, Draxler e Goretzka, a tetracampeã mundial bateu a representante da Ásia por 3 a 2. Rogic e Juric descontaram para o time australiano. Arrasadora no início de cada um dos tempos, a Seleção Alemã parecia que teria facilidade no jogo, mas os australianos equilibraram a partida na etapa complementar, valorizando ainda mais o triunfo alemão.

 Com a vitória, a Alemanha ocupa a segunda colocação do Grupo B, com os mesmos três pontos do Chile, que venceu Camarões por 2 a 0 na estreia, mas em desvantagem no saldo de gols (2 x 1). As duas seleções, no entanto, duelam na próxima rodada, na Arena Kazan, às 15h (de Brasília), na quinta-feira (22). Já a Austrália tenta a recuperação diante de Camarões. O jogo será disputado na Arena Zenit, também na próxima quinta, às 12h (de Brasília). 

Alemanha domina, perde gols, mas vai para o intervalo com vantagem 

Com um rápido toque de bola, a atual campeã mundial não deu chances para a Austrália gostar do jogo. Aos três minutos, Draxler, um dos mais experientes da equipe, desvencilhou-se da marcação, levantou a bola na área, a zaga australiana cortou e Ryan fez a defesa. Era o indício de que a seleção treinada por Joachim Löw comandaria a partida.

No minuto seguinte, em jogada de velocidade pela direita, Julian Brandt chegou à linha de fundo, rolou a bola para trás e encontrou Lars Stindl livre para abrir o placar: Austrália 0 x 1 Alemanha. Com extrema facilidade, os germânicos conseguiram se impor no jogo, não permitindo que a Austrália ultrapassasse a linha central. Por pouco Sandro Wagner não ampliou aos 16 minutos, quando Goretzka chegou pela direita e cruzou na área.

Comemoração do primeiro gol alemão (Foto: (Foto de Alexander Hassenstein / Bongarts / Getty Images)
Comemoração do primeiro gol alemão (Foto: Alexander Hassenstein / Bongarts / Getty Images)

A Seleção Alemã tinha uma imensa liberdade pelo lado direito. Aos, 22, Brant entrou novamente por este setor, livrou-se da marcação, bateu, e o goleiro Ryan fez uma grande defesa. Sandro Wagner desperdiçou uma excelente oportunidade no minuto 23. O centroavante recebeu um ótimo lançamento de Goretzka, entrou sozinho, dominou e chutou à esquerda do goleiro australiano.

O segundo gol alemão parecia inevitável, mas na parte final do primeiro tempo a Seleção Australiana começou a encontrar espaços. Em uma rara oportunidade dos “cangurus”, Sainsbury apareceu livre na área, mas errou a finalização, aos 36’. Quatro minutos depois, Rogic não desperdiçou.

O meia chutou da entrada da grande área, a bola bateu na zaga e sobrou pra ele mesmo, que não perdoou: Austrália 1 x 1 Alemanha. O empate dos australianos, porém, não durou muito tempo. Goretzka foi derrubado dentro da área por Luongo, e o árbitro marcou a penalidade sem titubear. Draxler desempatou no minuto 42.

Draxler cobrando o pênalti (Foto de Alexander Hassenstein / Bongarts / Getty Images)
Draxler cobrou o pênalti com categoria (Foto: Alexander Hassenstein / Bongarts / Getty Images)

Austrália equilibra a partida, e árbitro de vídeo é acionado novamente no torneio

A segunda etapa começou novamente com a Alemanha no campo ofensivo e com gol nos minutos iniciais. Kimmich deu uma bela assistência para Goretzka, que entrou livre e aumentou a vantagem alemã aos dois minutos: Austrália 1 x 3 Alemanha.

O time australiano não se deu por vencido. Mesmo reconhecendo a superioridade técnica do adversário, equilibrou a partida na raça e assim acabou diminuindo o prejuízo. Em falta da entrada da área, aos 10 minutos, Juric aproveitou o rebote do goleiro Leno e completou para o fundo da rede. O árbitro americano teve dúvidas sobre um possível impedimento e pediu o auxílio do árbitro de vídeo, que confirmou o gol:  Austrália 2 x 3 Alemanha.

Behich pegou a bola para comemorar o gol de Juric (Foto de Buda Mendes / Getty Images)
Behich pegou a bola para comemorar o gol de Juric (Foto de Buda Mendes / Getty Images)

O gol empolgou o time australiano, que encontrava no segundo tempo mais liberdade para trocar passes do que na primeira etapa. Mas quem quase marcou foi a Alemanha. Werner, que entrou no lugar de Sandro Vagner, fez uma bonita jogada individual, abriu espaço e acertou a trave. Sem mais grandes oportunidades, o placar se manteve até o final da partida. 

Alemanha