Com arbitragem de vídeo, Bayern e Dortmund lutam por hegemonia na Supercopa da Alemanha

Equipes chegam pressionadas ao Der Klassiker após péssimos resultados durante a pré-temporada

Com arbitragem de vídeo, Bayern e Dortmund lutam por hegemonia na Supercopa da Alemanha
Foto: Hugo Alves/Editoria de Arte VAVEL Brasil
Borussia Dortmund
Bayern de Munique
Borussia Dortmund: Bürki; Piszczek, Bartra, Sokratis Papastathopoulos e Zagadou; Sahin, Gonzalo Castro e Mario Götze; Dembélé, Aubameyang e Pulisic. Técnico: Peter Bosz.
Bayern de Munique: Ulreich; Rafinha, Hummels, Javi Martínez e Friedl; Arturo Vidal, Tolisso, Coman, Thomas Müller e Ribéry; Lewandowski. Técnico: Carlo Ancelotti.
ÁRBITRO: Felix Swayer
INCIDENCIAS: Decisão da Supercopa da Alemanha 2017, disputada no Signal Iduna Park a partir das 15h30 deste sábado (5)

Ainda sem convencer em suas exibições durante a pré-temporada, Bayern de Munique e Borussia Dortmund chegam sobre grande desconfiança para o duelo da Supercopa da Alemanha, nesse sábado (5), às 15h30, no Signal Iduna Park. O confronto marcará o início da temporada para as equipes e marcará um desempate em relação ao maior campeão, que no momento está em igualdade, com cinco conquistas para cada lado.

O Bayern de Munique, por exemplo, chega a esse duelo com três derrotas consecutivas - foi superado por Internazionale, Liverpool e Napoli nas últimas partidas, além de uma derrota categórica para o Milan. O triunfo diante do Chelsea – único até aqui – serviu de alento, ao menos se contabilizar apenas a primeira etapa, onde os bávaros foram superiores.

Os aurinegros, assim como os bávaros, não tiveram um desempenho satisfatório durante a fase de preparação. Os comandados de Peter Bosz até começaram com bons resultados – vitórias diante de Urawa Reds e Milan. No entanto, o desempenho e resultado caíram vertiginosamente nos amistosos seguintes, no empate com o Bochum e nas derrotas para Espanyol e Atalanta.

Estreante, técnico Peter Bosz busca seu primeiro troféu com o Dortmund

Recém-chegado ao comando técnico do Borussia Dortmund, com a missão de substituir Thomas Tuchel, o novo técnico dos aurinegros, em entrevista coletiva, demonstrou estar preparado para enfrentar o Bayern logo em sua primeira partida oficial: “Estou ansioso para esse jogo. O jogo contra o Bayern de Munique deixa as coisas ainda mais interessantes. Queremos vencer”, disse Peter.

Em relação a Mario Götze, o comandante afirmou que o meia estará envolvido, mas ainda com a preocupação necessária em relação a sua recuperação: “O tempo de jogo é muito importante para ele. Ele está em boa forma”, disse Bosz, reiterando o plano do clube para dosar os minutos de Götze em campo, assim como sua preparação nos treinamentos.

Em contrapartida, Bosz não poderá contar com nenhum dos três especialistas na lateral esquerda – Schmelzer, Guerreiro e Erik Durm estão lesionados, o que abre espaço para o jovem Jan-Niklas Beste, campeão com o time júnior do BVB e que atuou diante da Atalanta no último amistoso preparatório. O jovem deverá ser opção, de acordo com o treinador: “Ele atuou muito bem. Ele é uma das possibilidades – assim como Passlack e Zagadou”, finalizou.

Ancelotti demonstra confiança em sua equipe para a disputa da Supercopa

Apesar do desempenho tenebroso na fase preparatória para a temporada oficial, o comandante italiano do Bayern demonstrou tranquilidade em coletiva de imprensa: “O jogo será interessante. Será um adversário complicado e de grande intensidade. Não estamos em nossa melhor forma, mas podemos mostrar outras qualidades diante desse oponente. Jogar diante de 80.000 mil espectadores pode providenciar a perfeita motivação. Tenho certeza de que teremos uma grande atmosfera”, disse Carlo.

Além dos resultados ruins – algo não tão representativo quando se trata de pré-temporada, Carlo Ancelotti não poderá contar com figuras importantes de seu elenco para esse duelo da Supercopa: “Robben, Boateng, James Rodríguez, Alaba, Neuer, Thiago e Bernat estão todos fora”, simplificou o treinador.

Para concluir, o treinador dos bávaros falou sobre o quão preparado seu time está: “Estamos totalmente ansiosos para o primeiro jogo oficial da temporada. É uma final! O time está pronto para a Supercopa!”, finalizou.