Hertha Berlin derrota Galatasaray em amistoso preparatório

Com gols de Ibisevic e Rekik, time da capital conquistou mais uma vitória nesta pré-temporada

Hertha Berlin derrota Galatasaray em amistoso preparatório
Foto: Divulgação/Hertha BSC
Hertha Berlin
2 1
Galatasaray
Hertha Berlin: Jarstein - Pekarik (75’ Kade), Langkamp (75‘ Lustenberger), Rekik, Plattenhardt (75‘ Mittelstädt) - Darida, Skjelbred (75‘ Maier) - Weiser, Kalou (60‘ Duda) - Esswein, Ibisevic
Galatasaray: Muslera, Mariano (Carole 46), Maicon (Donk 73), Ahmet Çalık (Fernando 46), Linnes (Tarık 79), Tolga (Ndiaye 46), Selçuk (Koray 36), Rodrigues (Emrah 79), Belhanda (Atalay 73), Recep (Sinan 58), Gomis (Eren 58)
Placar: 1-0 Rekik (3‘), 1-1 Derdiyok (60‘), 2-1 Ibisevic (74‘)

Nesse sábado (5), o Hertha Berlin disputou mais uma partida amistosa para se preparar para a temporada 2017/18. Desta vez, o adversário foi o Galatasaray – quarto colocado na última edição da Süper Lig, o campeonato turco. O confronto ocorreu na cidade de Kapfenberg, na Áustria.

O resultado recuperou um pouco da confiança do elenco da "Velha Senhora", que vinha de derrota, em pleno Olympiastadion, para o Liverpool pelo placar de três a zero:  Dominc Solanke, Georginio Wijnaldum e Mohamed Salah marcaram para o time visitante.

Hertha abre o placar logo no início e domina

Ambos times entraram em campo com força total. Na equipe turca, inclusive, os brasileiros Maicon Roque – ex- São Paulo - e Mariano - contratado recentemente junto ao Sevilla – estiveram em campo nos minutos iniciais. 

Os alemães começaram melhor a partida, com mais posse de bola. Pressionando, logo no primeiro escanteio que tiveram, abriram o placar após cabeçada certeira do zagueiro holandês Karim Rekik, que se aproveitou da indecisão da defesa adversária na marcação por zona.

Atrás no placar, o time da Turquia esboçou uma reação, tentando criar chances principalmente pelo lado esquerdo, com veloz meia Garry Rodrigues, e pelo centro com o centro-avante francês Bafétimbi Gomis, ex- Olympique de Marselha. Porém, o sistema defensivo do técnico Pál Dárdai mostrou-se muito eficiente, mantendo o zero no placar. 

Aproveitando os contra ataques, o clube de Berlim era mais incisivo que os adversários, quase dobrando a vantagem depois do atacante sérvio Vedad Ibisevic perder boa chance. Com boas defesas do goleiro Rune Jarstein, o Hertha terminou a primeira etapa com a merecida liderança: um a zero.

Galatasaray empata, mas Ibisevic decide

A Velha Senhora voltou muito abaixo após o intervalo, com um visível desgaste físico de alguns de seus jogadores. Com a vantagem, o Galatasaray investiu no ataque, sendo dominante nos 20 minutos iniciais. Logo nos primeiros momento, Gomis perdeu uma chance incrível, quando estava "cara-a-cara" com o arqueiro adversário. Minutos depois, com um belo chute do marroquino Younès Belhanda – ex- Nice – os turcos voltaram a assustar.

Aos 15, veio o inevitável empate: Rodrigues avançou pela esquerda, tocando para o camisa 10, Belhanda, que achou o atacante Eren Derdiyok livre dentro da área. Com um belo voleio, o time de Istambul, enfim, balançou as redes.

A partir daí, a equipe da capital alemã lançou-se ao ataque. Passados 14 minutos, o atacante Alexander Esswein fez bela jogada pelo lado esquerdo, fazendo um cruzamento certeiro para Ibisevic, que só empurrou para estufar as redes e garantir a vitória: dois a um, Hertha.


Share on Facebook