Bayern de Munique sofre, mas bate Colônia e mantém folga no topo da Bundesliga

Equipe bávara encontrou mais dificuldade do que o habitual diante do lanterna, mas Lewandowski garantiu triunfo dos líderes

Bayern de Munique sofre, mas bate Colônia e mantém folga no topo da Bundesliga
Gol de Lewandowski deu os três pontos do Bayern (Foto: Matthias Hangst/Bongarts/Getty Images)
Bayern de Munique
1 0
Colônia
Bayern de Munique: Starke - Rafinha, Boateng, Süle, Alaba – Tolisso (Coman 46'), Rudy, Vidal (James 46') – Müller (c), Lewandowski, Ribery (Kimmich 76')
Colônia: T. Horn - Olkowski, Sorensen, Mere, Heintz, J. Horn (Kusic 76') - Jojic, Lehmann (c) (Clemens 85'), Özcan, Handwerker (Führich 66') - Klünter
Placar: 1 - 0, min, 60, Lewandowski.
ÁRBITRO: Daniel Siebert.
INCIDENCIAS: Jogo válido pela 16ª rodada da Bundesliga, disputado na Allianz Arena, em Munique.

Líder de forma isolada e caminhando para o hexacampeonato, o Bayern de Munique recebeu o lanterna Colônia nesta quarta-feira (13) em jogo válido pela 16ª rodada da Bundesliga, na Allianz Arena, em Munique. O polonês Lewandowski fez a diferença e anotou o único tento da partida, que terminou com vitória simples do Bayern por 1 a 0.

Ainda sem vencer na competição, os Bodes continuam na última colocação do campeonato, com somente três pontos conquistados. Enquanto isso, o Bayern de Munique, atual pentacampeão, aparece novamente no topo da liga, com 38 pontos e muita folga em relação ao segundo colocado, Schalke 04, que detém 29 pontos.

A equipe bávara volta a campo no sábado (16), em confronto válido pela 17ª rodada da competição, dessa vez fora de casa, diante do Stuttgart, na Mercedes-Benz Arena. No mesmo dia, o Colônia recebe o Wolfsburg em mais uma tentativa de conquistar o primeiro triunfo na atual temporada nacional.

Bayern para em sistema defensivo do Colônia

Mesmo com um time extremamente desfalcado e em uma situação grave na tabela – acentuada após o revés na rodada passada, quando a equipe da região do Rio Reno desperdiçou uma vantagem de três gols contra o Freiburg, em uma virada épica – os Bodes começaram a partida suportando qualquer tentativa de pressão imposta pela equipe da casa.

Com muito comprometimento defensivo, o Colônia suportou a pressão do Bayern durante praticamente toda etapa inicial. A chance mais perigosa dos mandantes, inclusive, veio apenas nos minutos finais da primeira metade da partida. Ribery e Müller estiveram muito próximos de anotarem o tento inaugural da partida, mas por sorte, os visitantes escaparam. No rebote, Süle mandou para fora, desperdiçando a melhor chance do Bayern, somente aos 38’.

Essa foi a primeira vez em desde April de 2016 em que o Bayern de Munique foi para o intervalo de uma partida na Allianz Arena sem marcar gols. Apesar do controle, os comandados de Jupp Heynckes não tiveram êxito ao tentar furar a defesa adversária.

Lewandowski decide, Bayern vence mais uma e sobra na ponta

Assim como na primeira etapa, o Bayern voltou para a etapa complementar dominando as ações da partida, no entanto, novamente sem conseguir ser eficaz. James Rodríguez, bem ativo na partida, era o jogador que mais buscava participação efetiva na construção das jogadas, assim como lances de perigo.

Os bávaros finalmente conseguiram furar a barreira do Colônia aos 60’, logicamente com o polonês Robert Lewandowski, artilheiro da competição, após jogada iniciada por Boateng. O centroavante recebeu em boas condições, e como de costume, não perdoou, abrindo o placar na Allianz Arena.

Mesmo em desvantagem no placar, a equipe visitante parecia satisfeita com o resultado - ou até mesmo sem forças para incomodar o Bayern. Os últimos minutos da partida foram marcados pela tentativa da equipe da casa de ampliar o marcador, mas também sem sucesso.