Volante Weigl elogia Stöger e acredita em classificação diante do Bayern: "Estamos preparados"

Jogador comentou as duas vitórias nos dois jogos com novo comando técnico e falou sobre suas expectativas para o grande confronto da Copa da Alemanha

Volante Weigl elogia Stöger e acredita em classificação diante do Bayern: "Estamos preparados"
Foto: Alexandre Simões/Borussia Dortmund

Um dos destaques do elenco do Borussia Dortmund é o jovem volante Julian Weigl. Talentoso e com boas atuações no período que está no elenco profissional aurinegro, o atleta já passou por momentos de euforia e de turbulência nos primeiros quatro meses da temporada, quando o BVB dominou a Bundesliga nos seis primeiros jogos, passou dois meses de resultados negativos, eliminações precoces e troca de técnico, e agora, à beira da pausa de inverno, tenta melhores dias.

Depois da chegada de Peter Stöger, foram duas vitórias nas duas últimas rodadas da Bundesliga, diante do Mainz 05 e do Hoffenheim, no último fim de semana. Com isso, o time que despencou da liderança ao oitavo lugar, voltou ao grupo de classificados à Uefa Champions League da próxima temporada. Em entrevista após a vitória sobre os Hoffs, Weigl deu um panorama sobre o jogo.

“Definitivamente precisamos de sorte nesse jogo. Nós também trabalhamos duro nas últimas semanas, quando não tivemos sorte do nosso lado. Os primeiros 20 minutos contra o Hoffenheim foram bons. Estávamos na frente, mas não arriscamos. Depois disso, não conseguimos acabar com o ritmo deles. Eles tiveram a vantagem, mas não conseguiram vencer, então tivemos sorte do nosso lado”, disse Weigl.

Foto: TF-Images/Getty Images

Para encerrar o ano de 2017, o Borussia Dortmund encara o Bayern de Munique pelas oitavas de final da Copa da Alemanha. O jogo vai ser realizado na Allianz Arena, às 17h45 desta quarta-feira (20). O elenco parece estar animado após a chegada de Peter Stöger. De acordo com Weigl, houve mudanças com a chegada do novo técnico, além do jogador mostrar contentamento com o retorno à posição em campo que costuma atuar.

“O treinador não conseguiu revirar tudo em um curto espaço de tempo, mas é importante que fiquemos mais estáveis defensivamente. Não estamos sempre pressionando. Claro que é importante colocar um oponente como o Hoffenheim sob pressão, mas agora estamos mais sólidos e não trazemos a defesa para o nosso campo. Acho que nos sentimos um pouco melhores. O time está mais seguro de si mesmo. Em primeiro lugar, ganhamos dois de dois jogos, minha situação pessoal é secundária. Agora estou um pouco mais livre para jogar o meu jogo. É importante para mim participar da partida o tempo todo. Se eu puder ajudar o time tanto quanto eu fiz nos últimos dois anos, então tudo vai ficar bem”, continuou.

Weigl falou também sobre suas expectativas para o duelo contra o Bayern. No terceiro Der Klassiker da atual temporada – um pela Supercopa da Alemanha, outro pela Bundesliga e esse pela Copa da Alemanha, o volante põe todo o favoritismo ao lado do clube bávaro, mas acredita no potencial da equipe em surpreender e seguir no segundo torneio mais importante do futebol germânico.

“Nunca é fácil em Munique, seja perdedor ou não. Mas eu nem sei a última vez que o Bayern perdeu. Eles definitivamente são os favoritos, mas iremos lá com o nosso plano de jogo e vimos no ano passado que é possível ganhar lá pela Copa – Dortmund venceu o Bayern por 3 a 1 nas semifinais e conquistou o título diante do Eintracht Frankfurt. Vencer a Copa da Alemanha foi uma sensação muito boa e levamos essa sensação a esse jogo. Não vamos lá pensando que não temos chance. Estamos preparados para isso”, concluiu.