Saiba tudo sobre Colônia x Borussia Mönchengladbach, pela 18ª rodada da Bundesliga

Um dos principais clássicos do futebol alemão, RheinDerby marca retorno das equipes após pausa de inverno; rivais estão em situações opostas

Saiba tudo sobre Colônia x Borussia Mönchengladbach, pela 18ª rodada da Bundesliga
Foto: TF-Images/Getty Images
Colônia
Borussia Mönchengladbach
Colônia: Timo Horn; Klünter, Sörensen, Heintz e Jonas Hector; Lehmann e Höger; Zoller, Jojic e Rausch; Simon Terodde. Técnico: Stefan Ruthenbeck.
Borussia Mönchengladbach: Sommer; Elvedi, Vestergaard, Ginter e Wendt; Zakaria e Kramer; Herrmann, Lars Stindl e Thorgan Hazard; Raffael. Técnico: Dieter Hecking
ÁRBITRO: Felix Zwayer
INCIDENCIAS: Clássico válido pela 18ª rodada da Bundesliga 2017-18, disputado a partir das 12h30 deste domingo (14), no RheinEnergieStadion

No retorno das atividades do futebol alemão após a pausa de inverno, a 18ª rodada da Bundesliga 2017-18 tem encerramento nesse domingo (14) com um clássico de suma importância, não apenas pela ocasião, mas pela necessidade de um bom resultado por parte dos oponentes. Em situações opostas, Colônia e Borussia Mönchengladbach medem forças e disputam mais um RheinDerby a partir das 12h30, no RheinEnergieStadion.

Desespero

A desastrosa primeira metade da temporada deixou o Colônia em desespero. A missão atual é somar o máximo de pontos possível. Com apenas seis pontos conquistados em 17 jogos, os Bodes estão na última posição, 11 pontos distante do Mainz 05, primeira equipe fora da zona de rebaixamento. O time vai precisar de uma arrancada histórica para evitar a queda. O clássico contra o Borussia Mönchengladbach é visto como fundamental para motivar o elenco.

Foto: TF-Images/Getty Images
Foto: TF-Images/Getty Images

Para o jogo, o técnico Stefan Ruthenbeck não vai poder contar com quatro jogadores. Os zagueiros João Queirós e Maroh, o meia Leonardo Bittencourt e o atacante Córdoba estão lesionados. Em contrapartida, o lateral-esquerdo Jonas Hector e o atacante Simon Terodde estão aptos para jogar e são as boas novidades. O comandante do Colônia concedeu entrevista coletiva e falou sobre sua motivação para encarar o RheinDerby e a necessidade de conquistar um bom resultado na retomada da Bundesliga.

“É óbvio que é algo especial encarar o Borussia Mönchengladbach. É derby e o primeiro jogo do ano. Todos estão altamente motivados e entusiasmados com a partida. Eu joguei alguns clássicos com o Greuther Fürth contra o Nuremberg. É o derby mais antigo da Alemanha, então eu não diria que sou totalmente inexperiente. Mas vou ficar arrepiado quando entrar no estádio. É realmente especial. Eles são muito eficazes no ataque. Teremos que nos concentrar em trabalhar a bola e defender solidamente”, afirmou Ruthenbeck.

Melhoria

A depender dos resultados que complementam a rodada, uma vitória do Borussia Mönchengladbach neste fim de semana pode deixar o clube na vice-liderança da Bundesliga. Nada mal para iniciar bem o ano. Apesar de estar na sexta posição, com 28 pontos, é perceptível a necessidade de melhorar em alguns aspectos, como no setor defensivo. Começar com um triunfo e, preferivelmente, sem sofrer gols, é a meta dos Potros.

Foto: Divulgação/Borussia Mönchengladbach
Foto: Divulgação/Borussia Mönchengladbach

O técnico Dieter Hecking tem uma longa lista de desfalques. O zagueiro Doucouré, o lateral-direito Fabian Johnson, o volante Strobl, os meias Traoré e Bénes, além do veterano atacante Raúl Bobadilla estão no departamento médico. Ausente nos últimos jogos durante a intertemporada e um dos principais nomes da equipe, o atacante brasileiro Raffael tem totais condições físicas para entrar em campo. O comandante dos Potros expôs seu ponto de vista sobre favoritos para o clássico e comentou sobre a situação dramática do rival.

“Clássicos são clássicos e eles têm um caráter especial. São sempre duros, fortes batalhas e muita mentalidade. Precisamos estar preparados para dar tudo. Exatamente isso é o que será necessário – independentemente de como aparenta a tabela de classificação ou como as coisas estão para os dois times. A situação que o Colônia se encontra é clara. Eles vão colocar muito nesse jogo para sair das férias de inverno com sucesso e acender a faísca de esperança que ainda existe com um resultado positivo. Muitas pessoas já desistiram deles, mas eu não sou uma dessas pessoas. As primeiras três partidas dele são em casa – eles podem usar esses jogos para se chegar ao alcance da sobrevivência. Eles darão tudo para fazer isso”, falou Hecking.

Foto: TF-Images/Getty Images
Foto: TF-Images/Getty Images

Curiosidades

- No primeiro turno, vitória do Borussia Mönchengladbach por 1 a 0, com gol marcado por Elvedi;

- Ao todo, são 121 clássicos disputados, com 57 vitórias do Borussia Mönchengladbach, 42 triunfos do Colônia e 22 empates;

- Destes, 87 foram válidos pela 1. Bundesliga. Os Potros venceram 48, os Bodes levaram a melhor em 23 e 16 clássicos terminaram empatados;

- Colônia sai da pausa de inverno como último colocado pela primeira vez em duas décadas;

- RheinDerby de defesas bastante vazadas. O Colônia sofreu 32 gols e tem a pior defesa (junto com o Freiburg), enquanto o Borussia Mönchengladbach foi vazado 28 vezes e tem a segunda pior zaga (empatado com o Hannover 96);

- Nenhuma equipe venceu mais vezes o Colônia na história da Bundesliga que o Borussia Mönchengladbach.