Bremen e Hertha desperdiçam chances, empatam sem gols e seguem na parte inferior da tabela

Em duelo importante para ambos os lados, equipes ficam no empate após chances desperdiçadas

Bremen e Hertha desperdiçam chances, empatam sem gols e seguem na parte inferior da tabela
Niklas Stark e Max Kruse disputam jogada (Foto: Stuart Franklin/Bongarts/Getty Images)
Werder Bremen
0 0
Hertha Berlin
Werder Bremen: PAVLENKA; GEBRE SELASSIE, VELKOVIC, MOISANDER, AUGUSTINSSON; EGGESTEIN, BARGFREDE (KAINZ), GONDORF (BELFODIL), DELANEY, JUNOZIVIC (JÓHANNSSON); KRUSE
Hertha Berlin: KRAFT; PEKARÍK, STARK, LUSTENBERGER (TORUNARIGHA), PLATTENHARDT; MAIER, SKJELBRED, LAZARO, DUDA (LECKIE), KALOU; SELKE (IBISEVIC)
ÁRBITRO: BASTIAN DANKERT (ALE). Amarelos: DELANEY (Min. 12) BARGFREDE (Min. 15) SELKE (Min. 51) AUGUSTINSSON (Min. 90)
INCIDENCIAS: PARTIDA VÁLIDA PELA 20ª RODADA DA BUNDESLIGA, DISPUTADA NO WESERSTADION.

Neste sábado (27) Werder Bremen e Hertha BSC se enfrentaram no Weserstadion em partida válida pela 20ª rodada da Bundesliga. Os donos da casa, o Bremen vive situação delicada na liga, ameaçados de rebaixamento, a equipe do técnico Florian Kohnfeldt entrou em campo em busca dos três pontos, manteve a posse de bola, trabalhou, criou chances e manteve a solidez ofensiva, chegou a marcar um gol, que em seguida foi anulado corretamente pelo VAR. Um dos principais problemas do Bremen nessa temporada, é balançar as redes, a equipe marcou apenas 16 gols em 20 partidas disputadas da liga, menos gols que o artilheiro da competição, Robert Lewandowski, que já marcou 17 gols nesta edição da Bundesliga.

Atualmente na décima sexta colocação com 17 pontos, os Die Grün-Weißen, se veem ameçados de rebaixamento, não conseguem tomar as medidas necessárias para distanciar-se da zona de rebaixamento, tempos díficeis para a equipe do norte da Alemanha, que apesar do toda sua tradição, tendo conquistado a Bundesliga em quatro ocasiões e a DFB Pokal em seis, vive momento de extrema delicidadeza. A esperança do Bremen é o atacante Max Kruse, que é o principal jogador do elenco, buscando sempre as jogadas e marcando gols, nesta edição Kruse já marcou quatro vezes em 15 jogos, mas neste sábado, ele não pode fazer muita coisa.

O Hertha Berlim aparentemente estabilizou-se no meio da tabela, vindo de um empate em casa frente ao Borussia Dortmund por 1 a 1, a equipe chegou a Bremen com a necessidade de vencer, mas tendo em vista que não seria uma partida fácil, visando o momento em que a equipe do Werder Bremen, o técnico Pál Dárdai montou uma equipe ofensiva, com o homem de refêrencia sendo Davie Selke, o Hertha chegou com perigo algumas vezes a meta do goleiro Jiri Pavlenka, obrigando o mesmo a fazer alguns defesas díficeis. Apesar da posse de bola está a favor do Bremen que vinha cadenciando a partida, mesmo com suas limitações, o Hertha quando tinha a posse, buscava aproveita-la da melhor forma possível, com destaque para o jovem austríaco Valentino Lazaro, que construiu boas jogadas, que não resultaram em gol.

No primeiro tempo, o zagueiro Fabian Lustenberger teve de ser substituído após choque em jogada aérea com o capitaõ do Bremen, Junuzovic, suspeita de concussão. O Hertha encontra-se na décima primeira colocação com 26 pontos, entre o "céu e o inferno", a equipe da capital tem de começar a se impor, principalmente em suas partidas em casa, no Olympiastadion

Lustenberg sendo atendido pela equipe médica do Hertha Berlim (Foto Stuart Franklin/Bongarts/Getty Images)
Lustenberg sendo atendido pela equipe médica do Hertha Berlim (Foto Stuart Franklin/Bongarts/Getty Images)

Na próxima rodada o Werder Bremen viaja para Gelsenkirchen, em confronto díficil contra o Schalke 04 na Veltins Arena no dia 3 de fevereiro. Já o Hertha enfrenta o Hoffenheim casa, também no dia 3 de fevereiro.