Batshuayi brilha na estreia e Dortmund vence primeiro jogo em 2018 diante do Colônia

Borussia vence fora de casa, quebra invencibilidade de quatro jogos dos Bodes, e vê estreia mágica do atacante contratado nesta semana

Batshuayi brilha na estreia e Dortmund vence primeiro jogo em 2018 diante do Colônia
(Foto: Divulgação/Borussia Dortmund)
Colônia
2 3
Borussia Dortmund
Colônia: Timo Horn; Sörensen, Jorge Meré, Heintz e Jonas Hector; Clemens (Zoller, min. 46), Höger (Claudio Pizarro, min. 87), Özcan e Jojic; Guirassy (Cordoba, min. 63) e Terodde. Técnico: Stefan Ruthenbeck.
Borussia Dortmund: Bürki; Piszczek, Sokratis Papastathopoulos, Toprak e Toljan; Weigl, Dahoud (Raphaël Guerreiro, min. 63) e Kagawa; Pulisic (Sancho, min. 72), Schürrle (Akanji, min. 87) e Batshuayi. Técnico: Peter Stöger.
Placar: 0-1, Batshuayi, min. 35. 1-1, Zoller, min. 60. 1-2, Batshuayi, min. 62. 2-2, Jorge Meré,, min. 70. 2-3, André Schürrle, min. 84.
ÁRBITRO: Benjamin Brand | Cartões amarelos: Dahoud (BVB, min. 34), Jojic (KOL, min. 41) e Jonas Hector (KOL, min. 94)
INCIDENCIAS: PARTIDA VÁLIDA PELA 21ª RODADA DA BUNDESLIGA, DISPUTADA NO RHEINENERGIESTADION.

Nesta sexta-feira (2), Colônia e Borussia Dortmund se enfrentaram em partida emocionante no RheinEnergieStadion, válida pela 21ª rodada da Bundesliga. O Colônia vinha invicto há quatro rodadas, enquanto o BVB não vencia há três jogos, após empates consecutivos. Em um jogo eletrizante e com emoção até o fim, os visitantes levaram a melhor e venceram por 3 a 2. Contratado nesta semana, o atacante Batshuayi fez a diferença, com dois gols marcados e uma assistência para o primeiro gol de Schürrle na temporada. Jojic e Meré assinalaram os tentos do Köln.

Com a vitória, os aurinegros alcançam os 34 pontos, igualam a Bayer Leverkusen e Schalke 04 e assumem temporariamente a vice-liderança por ter melhores critérios de desempate em relação aos concorrentes. Os Bodes emperram a reação, a equipe de Stefan Ruthenbeck lutou bravamente e teve o apoio do torcedor, mas viu a sequência de quatro jogos sem perder acabar e o time permanece na última posição.

Na próxima rodada, as equipes entram em campo no sábado (10). O Borussia Dortmund recebe o Hamburgo no Signal Iduna Park. Por sua vez, o Colônia encara o Eintracht Frankfurt, que faz grande temporada, na Commerzbank Arena.

Dortmund suporta ímpeto ofensivo e Batshuayi abre contagem

Buscando a reabilitação na liga, os Bodes comandados por Stefan Ruthenbeck entraram em campo com muita vontade, pressionando a zaga aurinegra no início da partida, Stefan, optou por entrar com uma formação no 4-4-2, usando dois atacantes, Simon Terrode e Sehrou Guirassy, um dos grandes problemas do Colônia, é marcar gols, a equipe marcou apenas 17 gols nesta edição da liga. 

A ofensividade proposta pelo treinador do Colônia, durou a metade da etapa inicial, até que por volta dos 28' minutos o Borussia Dortmund começou a buscar as jogadas com mais objetividade. Um dos personagens da partida, foi belga Michy Batshuayi, recém-contratado por empréstimo junto ao Chelsea para substituir o atacante Pierre-Emerick Aubameyang, que rumou para o Arsenal. Batshuayi já buscava a bola no ínicio da partida, e após a equipe aurinegra começar a se impor na partida, o belga se tornou mais participativo. Aos 38' da etapa inicial, Jeremy Toljan pela esquerda fez boa jogada pela esquerda, limpou o zagueiro dos bodes e, concedeu uma assistência ao estreante, Batshuayi, fazer aquele que seria o seu primeiro com a camisa 44 do Borussia Dortmund.

Equipe do Borussia Dortmund comemorando o gol marcado por Batshuayi (Foto: PATRIK STOLLARZ/AFP/Getty Images)
Equipe do Borussia Dortmund comemorando o gol marcado por Batshuayi (Foto: PATRIK STOLLARZ/AFP/Getty Images)

Após o gol sofrido, os donos da casa sentiram o banho de água fria, e tentaram se aprofundar em jogadas áereas, um dos principais pesadelos do Dortmund, mas não obtiveram sucesso. No fim do primeiro tempo, Batshuayi marcou outro gol, que em seguida seria anulado pelo árbitro Benjamin Brand, o atacante belga estava em posição irregular.

Colônia busca empate duas vezes, mas Batshuayi garante vitória ao Dortmund

Na volta para o segundo tempo, as duas equipes possuíam o objetivo mais claro do futebol, marcar gols, mas sem dúvidas, havia um clima diferente no RheinEnergieStadion, as situações vividas pelas duas equipes apimentaram.

O atacante Simon Zoller que entrou no lugar do meia Christian Clemens no intervalo, incendiou a partida ao lado de Terodde e Guirassy, e aos 15' da etapa complementar igualou o confronto, após rebote do goleiro Roman Bürki no chute de Dominique Heintz. Com a partida igualada, a torcida do Colônia começou a fazer barulho, não por muito tempo, pois mais uma vez, ele, o estreante, Michy Batshuayi colocou o Borussia Dortmund na frente, após o jovem Christian Pulisic se esforçou e deu uma passe crucial para o belga, que arrancou e tocou na saída do goleiro Timo Horn. O Colônia não se abalou, pois luta por uma grande causa, sete minutos mais tarde após levar o gol, os bodes chegaram ao empate, em escanteio cobrado por Jonas Hector, o zagueiro Jorge Meré cabeceou para as redes de Bürki.

Com a partida empatada, e já se aproximando do fim, os segundos se passavam de forma melancólica no RheinEnergieStadion, o encontro era especial para o técnico Peter Stöger que enfrentava o Köln pela primeira vez após quatro anos à frente da equipe. Hoje no Borussia Dortmund, Stöger sabia da importância da partida, e aos 39' viu o herói improvável surgir na partida, o que sem dúvidas colocou um fim especial, tratava-se do ponta-esquerda André Schürrle, que quebrou um jejum de 10 jogos sem marcar, e marcou seu primeiro gol na Bundesliga! Advinha quem concedeu a assistência para Schürrle? Sim, ele, Batshuyai, que teve uma bela noite de estreia com a camisa do Borussia Dortmund na cidade de Colônia, eleito o "Homem do Jogo".

O gol heróico marcado por André Schürrle, que quebra jejum pessoal e concede a vitória ao Dortmund (Foto: Reprodução/Borussia Dortmund)
O gol heroico marcado por André Schürrle, que quebra jejum pessoal e concede a vitória ao Dortmund (Foto: Reprodução/Borussia Dortmund)